vinho homenagem jair bolsonaro
Divulgação
Empresa do Rio lançou vinho il Mito, que homenageia o presidente Jair Bolsonaro

Uma empresa do Rio de Janeiro lançou um vinho para homenagear o presidente Jair Bolsonaro (sem partido). O produto nomeado de "il Mito" é comercializado e distribuído pela Pacific Catering de Macaé, no Norte Fluminense. A bebida está em pré-venda por R$139, na versão tinto e espumante.

O " il Mito " já foi apresentado ao homenageado no início de novembro em Brasília, no Distritio Federal. Um dos sócios da empresa, Julio Cesar Costa de Lemos, compartilhou nas redes sociais que o encontro foi a "realização de um sonho". Ele entregou o produto pessoalmente ao presidente ao lado da esposa, Maria Luiza de Lemos, e dos sócios Abílio e Silvana Almeida.

"Entregamos o espumante Vinho Bolsonaro nas mãos do nosso presidente. Obrigado pela receptividade e pelo carinho, foi simplesmente fantástico, sonho realizado!", escreveu Lemos.

De acordo com a Pacific Catering , o vinho Bolsonaro "il Mito" é um "produto histórico para marcar este momento especial da história do Brasil. Para os amantes de vinho, um vinho impecável, de excelente qualidade, das uvas Cabernet Sauvignon ou Carmenere, e para os amantes da pátria, um troféu para demonstrar todo o orgulho de fazer parte deste momento".

Nas redes sociais, a ideia gerou polêmica. Há quem esteja interessado, como uma internauta que pretende comprar o produto para "passar o réveillon comemorando 2 anos sem corrupção no governo". Por outro lado, o novo produto também é alvo de muitas críticas. "Nem de graça", "É muita idolatria", "Mais uma desgraça de 2020", são alguns dos comentários negativos que as publicações sobre o vinho receberam.

Sócio bolsonarista

Julio Cesar Costa de Lemos é bolsonarista convicto. Nas redes sociais, não hesita em defender o presidente. Diversas vezes demonstrou oposição ao uso de máscara e ao isolamento social durante a pandemia de Covid-19, como fez Bolsonaro. Lemos também já faz campanha para a reeleição de Bolsonaro em 2022 e costuma usar o jargão "Brasil acima de tudo, Deus acima de todos", famoso na campanha para as eleições presidenciais de 2018.

O filho do empresário, João Lemos, trabalha na Pacific Catering e foi candidato a vereador em Macaé nas eleições deste ano pelo PSL, antigo partido do presidente. Ele obteve 740 votos, não se elegeu.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Mostrar mais

      Comentários