site fgts
Arquivo/Agência O Globo
Caixa suspende R$ 1.045 do FGTS emergencial de pessoas com cadastros incompletos

A Caixa Econômica Federal suspendeu a liberação do saque emergencial de R$ 1.045  do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) para um grupo de trabalhadores que já deveria ter tido o dinheiro depositado em contas poupanças sociais digitais.

Segundo a Caixa, os beneficiários do FGTS emergencial estavam com cadastros pessoais incompletos. O banco, porém, não informou o número de cotistas nesta situação.

Alguns trabalhadores devem completar informações como endereço, nome da mãe e data de nascimento, entre outras. A  abertura da poupança digital só é possível após a atualização dos dados.

O problema é que o banco não avisou sobre os erros no cadastro e não orientou previamente os trabalhadores sobre os procedimentos a serem adotados para a correção das informações.

A abertura de uma conta poupança social digital na Caixa e o crédito do dinheiro deveriam ser automáticos. A instituição financeira havia solicitado somente que pessoas não interessadas em receber o depósito informassem seu desejo ao banco por meio do aplicativo FGTS .

A Caixa, agora, recomenda que os trabalhadores consultem a situação do Saque Emergencial no App FGTS. Os cotistas podem fazer essa verificação independentemente da data prevista para o depósito, "antecipando eventuais necessidades de atualização cadastral", segundo o banco. Depois de completar o cadastro, o crédito será reprogramado.

O depósito em conta poupança social digital da Caixa para os nascidos em janeiro, fevereiro e março foi programado para 29 de junho, 6 de julho e 13 de julho, respectivamente.

Por enquanto, as pessoas que receberam podem usar o crédito do FGTS apenas para pagamento de boletos e compras, utilizando o app Caixa Tem (disponível para celulares com sistemas Android e iOS).

Os saques e as transferências serão autorizados somente a partir do dia 25 de julho e também vão obedecer a um calendário que se estenderá até o dia 14 de novembro, dependendo da data de nascimento do trabalhador.

Saiba o que fazer

A Caixa informou que o trabalhador pode verificar a situação de seu cadastro por meio do site do saque emergencial , do telefone 111, do aplicativo FGTS (disponível para sistemas Android e iOS ) e do Site do FGTS .

O trabalhador receberá uma mensagem informando se há necessidade de atualização do cadastro, que deve ser realizada pelo App FGTS, sem a necessidade de comparecer a uma agência. Com o cadastro atualizado, o crédito será programado.

Confira o cronograma de depósito e retirada

Data de crédito no Caixa Tem

  • Nascidos em janeiro — 29/06;
  • Nascidos em fevereiro — 06/07;
  • Nascidos em março — 13/07;
  • Nascidos em abril — 20/07;
  • Nascidos em maio — 27/07;
  • Nascidos em junho — 03/08;
  • Nascidos em julho — 10/08;
  • Nascidos em agosto — 24/08;
  • Nascidos em setembro — 31/08;
  • Nascidos em outubro — 08/09;
  • Nascidos em novembro — 14/09; e
  • Nascidos em dezembro — 21/09.

Data para saque ou transferência

  • Nascidos em janeiro — 25/07;
  • Nascidos em fevereiro — 08/08;
  • Nascidos em março — 22/08;
  • Nascidos em abril — 05/09;
  • Nascidos em maio — 19/09;
  • Nascidos em junho — 03/10;
  • Nascidos em julho — 17/10;
  • Nascidos em agosto — 17/10;
  • Nascidos em setembro — 31/10;
  • Nascidos em outubro — 31/10;
  • Nascidos em novembro — 14/11; e
  • Nascidos em dezembro — 14/11.

    Veja Também

      Mostrar mais