ato
Associação Brasileira de Bares e Casas Noturnas (Abrabar)
Em Curitiba, donos de bar fizeram ato por reabertura dos negócios em frente a hospital com UTI lotada

Neste sábado (4), a Associação Brasileira de Bares e Casas Noturnas (Abrabar) fez protestos em frente a hospitais de Curitiba, Paraná. Os empresários pedem a reabertura de seu setor.

Além disso, querem a abertura das linhas de crédito e adiamento do 13° salário para 2021. Eles colocaram cruzes em frente ao Hospital Evangélico Mackenzie representando a "morte" dos negócios em meio à crise financeira gerada pela pandemia de Covid-19.

Todos os 23 leitos de UTI adulta dedicados a pacientes com Covid-19 do hospital Mackenzie estão ocupados. Até ontem, sexta-feira (3), Curitiba teve 172 mortes em decorrência do coronavírus.

"Estamos no pronto socorro dos hospitais, por que nosso setor pede socorro", disse o presidente da Abrabar, Fábio Aguayo.

"Respeitamos as vidas, mas nós temos que conciliar a economia com as vidas. Tem gente elouquecendo, passando fome, com a sanidade em risco. Nós pedimos ao ajuda ao setor público", afirmou ele.

No Paraná, foram registrados 28.166 casos de Covid-19 e 728 mortes. No total, há  63.409 mortes por Covid-19 no Brasil e mais 1,5 milhão de casos.

    Veja Também

      Mostrar mais