A Apple está fechando de novo, temporariamente, algumas de suas lojas nos EUA depois que os casos do novo coronavírus (Sars-Cov-2) dispararam em algumas áreas do país.

Leia também:

Homem que enterrou o pai sozinho receberá indenização de R$ 5 mil da prefeitura

Carros a partir de R$ 900: veja leilões deste sábado

Ainda em queda, atividade industrial começa a melhorar desempenho

Os fechamentos impactarão 11 lojas nos estados da Flórida , Arizona , Carolina do Norte e Carolina do Sul .

Poucos dias atrás, a fabricante do iPhone havia anunciado que iria reabrir mais 75 de suas lojas nos EUA nesta semana, incluindo alguns estabelecimentos em mercados centrais, como Nova York , Los Angeles e Boston .

Apple fechará novamente 11 lojas nos EUA
Unsplash/zhang kaiyv
Apple fechará novamente 11 lojas nos EUA

Ela fechou todos os seus estabelecimentos fora da China em março, como medida para conter o avanço do novo coronavírus . Nos EUA , onde tem 210 lojas, a reabertura começou em maio.

O site 9to5Mac citou comunicado da vice-presidente de Varejo da Apple , Deirdre O´Brien, sobre a política de reabertura das lojas:

"Nosso compromisso é apenas avançar com a reabertura quando estivermos confiantes de que podemos retornar com segurança ao atendimento aos clientes de nossas lojas", afirmou ela.

"Analisamos todos os dados disponíveis, incluindo casos locais, tendências de curto e longo prazo e orientações de autoridades nacionais e locais de saúde", acrescentou Deirdre.

Segundo a executiva, "essas não são decisões em que nos apressamos, e a abertura de uma loja de forma alguma significa que não tomaremos a medida preventiva de fechá-la novamente, se as condições o justificarem".

    Veja Também

    Mais Recentes

      Mostrar mais

      Comentários