Brasil Econômico

ólar
Marcello Casal Jr/Agência Brasil
Dólar mantém trajetória de queda e abre semana abaixo de R$ 5, enquanto Bolsa sobe

O dólar começou a semana em queda de 0,94%, a R$ 4,94. Na última sexta-feira (5), a moeda americana registrou o maior recuo semanal frente ao Real em 12 anos , o que fez com que a divisa encerrasse a semana abaixo da marca de R$ 5 pela primeira vez desde 13 de março. Às 11h33, o dólar caía 0,55%, a R$ 4,960.

Leia também:

Na semana passada, o movimento de queda do dólar foi puxado por uma onda de otimismo que tomou conta dos mercados financeiros globais, depois que o governo dos Estados Unidos surpreendeu ao anunciar que a maior economia do planeta abriu 2,5 milhões de postos de trabalho em maio. Ainda assim, o País registrou, em menos de três meses, mais de 42 milhões de pedidos de seguro-desemprego .

No cenário externo, as ações da China encerraram em alta nesta segunda-feira, com dados fracos sobre o comércio doméstico reforçando as esperanças de mais estímulos de política monetária para reforçar a economia atingida pelo coronavírus. O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em Xangai e Shenzhen, avançou 0,52%, enquanto o índice de Xangai teve alta de 0,24%.

O otimismo dos mercados também pode ser sentido na Bolsa brasileira, a B3. Nesta segunda-feira (8), o Ibovespa abriu em alta e, às 11h33, subia 1,55%, aos 96.100 pontos.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Mostrar mais

      Comentários