dinheiro
Marcello Casal Jr/Agência Brasil
Veja como ganhar uma renda extra na pandemia


Em pouco mais de um mês durante uma crise mundial de saúde, Cristiano Andrade, 46 anos, conseguiu ganhar R$1.500 sem sair de casa. O corretor de seguros viu o rendimento da sua empresa cair com o início da pandemia do novo coronavírus (Sars-Cov-2), e percebeu que era hora de procurar por um plano B para obter uma renda extra. "Meu pai sempre me ensinou a não colocar os ovos dentro de uma cesta só", brinca Cristiano. 

Foi assim que ele conheceu o Clude e começou a ganhar dinheiro através da internet. O Clude é um clube de vantagens digital , que oferece benefícios que vão desde consultas médicas até descontos em lojas físicas e virtuais. Quando um usuário decide se tornar um Cluder Pro, ele passa a oferecer o serviço a outros clientes, o que rende benefícios financeiros - é o chamado marketing de recomendação.

E foi assim que Cristiano conseguiu ganhar dinheiro em meio à pandemia . Ele conta que, de um dia para o outro, o número de novos usuários em sua rede cresce, o que garante a ele uma renda extra . Hoje, mais de 65 membros do clube de vantagens estão na rede do corretor, que não pretende parar de usar o serviço. "Eu acho que as coisas vão piorar na minha corretora, e eu estou me preparando para isso", afirma.

Leia também: Perda total ou em parte da renda já atingiu 40% dos brasileiros na pandemia

Cristiano garante que não foi sua experiência de corretor que o fez ter tanto sucesso na plataforma . Ele acredita que qualquer um consegue ganhar dinheiro sem sair de casa, desde que encontre um serviço no qual acredita e se dedique para isso.

E o marketing de recomendação está longe de ser a única forma de ganhar dinheiro sem sair de casa durante a pandemia do novo coronavírus. A internet oferece diversas outras opções, que vão desde vender itens até ensinar o que você faz de melhor. Confira:

1. Recomende serviços para pessoas

Assim como no caso do Cristiano, recomendar serviços para outras pessoas pode ser uma maneira de ganhar uma renda extra . E, além do Clude, outras empresas também oferecem esse tipo de oportunidade. No Quinto Andar , por exemplo, dá para ganhar dinheiro indicando imóveis para alugar, obtendo até porcentagens do primeiro aluguel. 

2. Venda itens on-line

Uma boa opção para ganhar uma renda extra sem sair de casa é desapegar de itens e vendê-los on-line . Dá para arrumar o guarda-roupa e separar o que não serve mais, escolher alguns livros que você não pretende reler e até mudar a disposição da casa se desfazendo de alguns móveis. 

Leia também: Trabalhadores com corte salarial podem conferir 'complemento' na CLT Digital

Na internet, dá para encontrar sites que vendem de tudo, como o Mercado Livre e OLX , ou portais especializados. O Enjoei , por exemplo, é uma boa opção para a venda de roupas e acessórios, enquanto o  Estante Virtual pode te ajudar a se desfazer de livros antigos. Alguns portais são até mais específicos, como o Ficou Pequeno , que comercializa itens infantis, e o Trocafone , que revende celulares usados. 

Antes de anunciar seus objetos, vale a pena pesquisar qual plataforma oferece a melhor opção no que diz respeito às taxas, já que quase todas elas ficam com uma parcela das vendas.

3. Faça o que você sabe fazer

Para algumas profissões, a possibilidade de fazer trabalhos freelancer ajuda em momentos de crise de empregos, como é a situação atual. E algumas plataformas on-line realizam a parte difícil do processo, que é fazer profissionais encontrarem pessoas e empresas que precisam do seu serviço. 

Leia também: Fila invisível: entrada no seguro-desemprego pela internet vira novo desafio

Algumas opções de sites que oferecem trabalho para freelancers de diversas áreas são o Workana , 99 Freelas , Freelancer e Freelancer Select . Outras plataformas se dedicam a profissões específicas, como o Foap , que permite que fotógrafos vendam suas fotografias on-line.

4. Ensine o que você faz de melhor

O período de isolamento social tem sido utilizado por muita gente para fazer cursos on-line . E uma boa forma de ganhar dinheiro é oferecer esses cursos.

E não, você não precisa ser um professor para isso, basta conseguir criar conteúdos didáticos sobre aquilo que você faz de melhor, seja o ensino de uma língua, de uma prática de atividade física, um instrumento, programa de computador ou artesanato.

A plataforma Udemy , por exemplo, permite que qualquer usuário cadastre cursos completos para serem vendidos. Além disso, uma boa opção é oferecer aulas particulares em portais como Superprof e Profes

5. Seja vendedor de grandes marcas

Já pensou em ser um revendedor ou franqueado de uma grande empresa? Através da internet, isso é possível. Grandes marcas como Magalu e Natura permitem que você crie um site com produtos e o divulgue. Cada vez que alguém compra nele, você ganha uma comissão pelas vendas.

    Veja Também

      Mostrar mais