EUA
Reprodução/Wikipedia
Nos ultimos 15 dias, foram mais de 10 milhões de pedidos

O número de americanos que apresentaram pedidos de seguro-desemprego atingiu níveis recordes pela segunda semana consecutiva. Na semana passada, de acordo com dados do Departamento de Trabalho dos EUA, 6,65 milhões de cidadãos pediram este auxílio.

Leia também: Planalto: Bolsonaro pediu a servidores de home office para voltarem a expediente

Há duas semanas, foram registrados 3,3 milhões de reivindicações ao seguro-desemprego. Em 15 dias, os Estados Unidos registraram mais de 10 milhões de pedido para o auxílio.

Os números recordes são reflexo das medidas de contenção à covid-19, principalmente os isolamentos em casa. Boa parte dos economistas dizem que os dados corroboram a leitura de que os Estados Unidos estão rumo a uma recessão econômica.

A sondagem do mercado apontava para um número bem menor na última semana. De acordo com a sondagem do americano "The Wall Street Journal", o resultado da semana encerrada em 28 de março apresentaria um total de 3,1 milhões de pedidos.

Leia também: Bolsonaro diz que auxílio de R$ 600 começará a ser pago na próxima semana

    Veja Também

    Mais Recentes

      Mostrar mais

      Comentários