Brasil Econômico

Nesta segunda-feira (16), o governador de São Paulo, João Doria , e o coordenador do Centro de Contingência do Coronavírus em São Paulo , o infectologista David Uip , concederam uma entrevista coletiva para a imprensa.

Pacote econômico contra o coronavírus terá R$ 147,3 bilhões 

Na coletiva, Doria  anunciou: " Funcionários públicos com mais de 60 anos a partir de amanhã, 17 de março, deverão trabalhar de casa, com exceção de funcionários da saúde , áreas essenciais, segurança , sabesp , fundação casa e penitenciárias . De 17 de março a 17 de abril, haverá o fechamento de todos os centros e eventos culturais, esportivos de convivência administrados pelo setor público ou privado. E os centros de convivência do Idoso serão fechados por 60 dias."

David Uip em coletiva de imprensa sobre coronavírus em São Paulo
Reprodução/Governo do Estado de Sâo Paulo
David Uip em coletiva de imprensa sobre coronavírus em São Paulo


"Estamos monitorando isso com muito cuidado e devemos anunciar outras medidas ao longo da semana para proteger a atividade econômica e com isso proteger empregos e proteger a renda. Mas faremos isso sempre com as orientações do Dr. David Uip em nome deste comitê denominado Centro de Contingência ", completou o governador.

Uip declarou na coletiva que: "Nós entendemos que essa epidemia, essa onda, vai durar de 4 a 5 meses . O que não quer dizer que essas medidas restritivas durarão tal tempo. A decisão vai ser feita pelo consenso deste grupo de pesquisadores e cientistas, junto com o secretário de estado e o governador. Então hoje não tem nada, vai ficar sem escola o quanto for necessário para nós contermos a epidemia".

"Prioridade é salvar vidas"

João Doria  ressaltou que a "prioridade do governo de São Paulo é salvar vidas".

"A prioridade do governo de São Paulo é salvar vidas. Na sequência o desenvolvimento, a proteção ao emprego, às condições de vida, de mobilidade de forma saudável e dentro dos protocolos que a saúde pública determina. Mas a prioridade absoluta é salvar vidas. Adotadas as medidas que forem necessárias", afirmou o governador.

Procon autua farmácia que vendia álcool gel com valor 334,8% acima do normal

Doria também afirmou que: "Tomamos algumas medidas de ordem econômica, que anunciamos na última sexta-feira, para a manutenção da empregabilidade e das condições econômicas mínimas do estado de São Paulo."

"Estamos monitorando isso com muito cuidado e devemos anunciar outras medidas ao longo da semana para proteger a atividade econômica e com isso proteger empregos e proteger a renda. Mas faremos isso sempre com as orientações do Dr . David Uip em nome deste comitê denominado Centro de Contingência ", completou o governador.

    Veja Também

      Mostrar mais