Tamanho do texto

Faturamento via mobile neste ano chegou a R$ 1,7 bilhão, enquanto no ano passado foi de R$ 830 milhões, uma expansão de 95%

compra arrow-options
shutterstock
Faturamento online da Black Friday de 2019 superou expectativas do mercado

O varejo brasileiro online faturou R$ 3,2 bilhões na Black Friday de 2019, aponta levantamento da Ebit|Nielsen. O montante representa alta de 23,6% em relação à edição de 2018, quando as vendas somaram R$ 2,6 bilhões, um novo recorde de faturamento para as lojas online.

Ainda de acordo com o levantamento, durante a quinta e sexta-feira (29) foram registrados 5,33 milhões de pedidos, o que representa uma expansão de 25% na comparação com o mesmo período do ano anterior, que foi de 4,27 milhões.

Comprou na Black Friday e se arrependeu? Saiba o que fazer

A média de compras teve uma queda de 1,1%, frente ao ano passado, ficando em R$ 602. Já as vendas feitas pelos celulares representaram 55% do total, frente aos 35% de 2018. O faturamento via mobile neste ano chegou a R$ 1,7 bilhão, enquanto no ano passado foi de R$ 830 milhões, uma expansão de 95%.

"Nesta edição, vemos que as pessoas compraram diferentes tipos de produtos, ou seja, a alta não foi puxada apenas pelos mais caros", diz Ana Szasz, líder da consultoria, em entrevista ao Estado.

Vendas do varejo na Black Friday crescem 18%, mostra índice

"Do ponto de vista do varejo, observamos players tradicionais ainda mais preparados, com entendimento do que o mercado queria. Esses fatores, junto a um consumidor preparado para comprar online, ajudaram a garantir o sucesso da Black Friday", complementa.

Nos Estados Unidos , as vendas pela internet somaram US$ 7,4 bilhões (cerca de R$ 31 bilhões) e alcançaram um valor recorde , segundo dados da Adobe Analytics. Na comparação com a edição da Black Friday de 2018, o crescimento foi de 19,6%.