Tamanho do texto

Comércio e serviços geram 28 mil vagas em setembro em São Paulo

Agência Brasil

compras arrow-options
Repodução/ITV
Criação de empregos dos setores de comércio e serviços foi a melhor para os nove primeiros meses do ano desde 2014

Em preparação para o período de final de ano , os setores do comércio – varejista e atacadista – e de serviços em São Paulo geraram, no mês de setembro, 27.721 empregos formais. Foram 296.820 contratações ante 269.099 desligamentos.

Desemprego recua para 11,8%, mas ainda atinge 12,5 milhões, revela IBGE

No total, os dois setores fecharam o nono mês do ano com estoque de 10,19 milhões de vínculos trabalhistas, o melhor resultado desde 2014 para os meses de janeiro a setembro.

Os dados foram divulgados nesta sexta-feira (8) pela Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo (FecomercioSP).

Encontre emprego no lugar certo: sites divulgam vagas por área de atuação

“Foi consolidado o processo ainda existente de recuperação de vagas formais no comércio e em serviços. Isso, porque houve aumento do consumo das famílias, o que permitiu ao empresário ampliar o quadro de funcionários diante do aumento da demanda, reflexo da inflação controlada, queda dos juros e crédito menos custoso”, disse, em nota, a entidade.

O levantamento da FecomercioSP analisa o nível de emprego do comércio varejista, atacadista e de serviços por meio de dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados do Ministério do Trabalho (Caged).