Tamanho do texto

"Como judeu, a única coisa que eu sabia é que Jesus andou sobre as águas", afirmou o fundador da marca que criou tênis que ironiza cultura colaborativa

Planeta

tênis de Jesus arrow-options
Divulgação/MSCHF
'Tênis de Jesus', vendido por cerca de R$ 12 mil, tem água benta na sola

Como seria uma parceira de moda com o maior influenciador da História da humanidade, Jesus Cristo?

Leia também: Guedes aumenta limite de compras em free shops de U$ 500 para U$ 1 mil

Foi dessa premissa que partiu a empresa americana MSCHF, que lançou um tênis batizado de " Jesus Shoes ", com água benta dentro do solado e um crucifixo pendurado e um versículo inscrito.

O calçado é uma alteração do modelo de tênis Air Max 97 , da Nike (que declarou não ter qualquer envolvimento com o produto), e custa US$ 3 mil, cerca de R$ 12 mil. O site de vendas do tênis diz que o produto está esgotado. A princípio foram produzidas 24 unidades, mas a empresa afirmou que lançará mais.

O lançamento é, segundo entrevista do fundador da MSCHF , Daniel Greenberg, ao jornal “New York Post”, uma ironização da “cultura da colaboração” no mundo do consumo. A inspiração para Greenberg foi uma “collab”, como são chamadas essas colaborações, entre a Adidas e a marca de chás gelados Arizona Iced Tea. “Eles estão vendendo calçados que propagandeiam uma marca de bebidas que vende chá gelado em botecos. Queríamos fazer uma declaração sobre o quão absurda a cultura da collab se tornou”, disse na entrevista.

Greenberg disse que, para ironizar as collabs, pensou em como seria uma colaboração com o maior influenciador da História. “Como judeu, a única coisa que eu sabia é que Jesus andou sobre as águas”, disse.

Leia também: Fuja do azeite de oliva pirata: saiba reconhecer um produto falsificado

De acordo com o empresário, a água dentro do tênis vem do Rio Jordão, em Israel, e foi batizada por um padre. “É a mais sagrada das collabs ”, disse Greenberg.