Brasil Econômico

undefined
Agência Brasil
Produtos vendidos na Black Friday registraram aumento de preço antes da data





Os consumidores tinham motivos para ficar com medo da "Black Fraude": de acordo com um levantamento feito pela plataforma Black Friday de Verdade , 18% dos produtos vendidos no dia de promoções registraram aumento de preços pouco antes da data oficial.

Leia também: No Twitter, usuários reclamam de falsas promoções: "Black Fraude"

A pesquisa apontou que, dos 55.781 produtos vendidos durante a Black Friday analisados, 18% deles apresentaram aumento de preço em relação ao valor original. A alta aconteceu nos 30 dias antes da liquidação.

Em quase metade dos casos (49%) o aumento de valor foi de 10%. Já a antiga e conhecida prática de "tudo pela metade do dobro" apareceu em apenas 2% dos casos - quando, por exemplo, um produto custava R$ 50 reais antes da liquidação e, alguns dias antes, passa a custar R$ 100. Assim, durante a Black Friday, ele aparece com valor "promocional" de 50% de desconto, aos mesmos R$ 50 reais originais.

Leia também: Mais de 20% dos brasileiros das classes C, D e E extrapolam nos gastos de Natal

O site monitorou os preços de 25 lojas virtuais, como Netshoes, Centauro, Americanas.com, Shoptime, Submarino, Polishop, Amazon, Zattini, Natura, Avon, C&C, Marabraz, Telhanorte, Motorola,  e Sephora.

A Black Friday de Verdade  é uma extensão criada para o navegador Google Chrome, que tem como objetivo verificar os preços dos produtos em promoção nesta data. Através da plataforma, que é uma iniciativa da Proxy Media, empresa especializada em soluções digitais, os usuários podem monitorar preços de um determinado produto em diversas lojas para ver se o desconto é ou não real e, assim, conseguir realizar boas compras.

Consumidores aproveitaram a Black Friday para garantir presentes de Natal

undefined
Agência Brasil
O site Black Friday de Verdade ajuda o consumidor a monitorar os preços disponibilizados pelas lojas














Uma pesquisa do Reclame Aqui apontou que 34% dos consumidores aproveitaram os descontos da Black Friday para antecipar as compras de Natal deste ano. Dessa parcela que entrou de cabeça no dia de liquidações, 6,9% aproveitou a data e comprou todos os presentes natalinos. Outros 26,8% disseram que compraram na Black Friday , mas ainda devem adquirir mais produtos até o final do ano.


    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários