Tamanho do texto

O calendário começaria no dia 19, mas instituições optaram por realizar o pagamento com dois dias de antecedência aos que tem mais de 70 anos

Caixa Econômica Federal e Banco do Brasil creditam hoje aos beneficiários com mais de 70 anos o abono salarial do PIS/Pasep
Fábio Rodrigues Pozzebom/Arquivo/Agência Brasil
Caixa Econômica Federal e Banco do Brasil creditam hoje aos beneficiários com mais de 70 anos o abono salarial do PIS/Pasep

A Caixa Econômica Federal e o Banco do Brasil, instituições essas responsáveis pelo pagamento do abono salarial PIS/Pasep, informaram nesta terça-feira (17) que vão antecipar o pagamento do benefício aos correntistas com mais de 70 anos. Os bancos transferirão, sem custos, o dinheiro aos beneficiários com conta nas instituições financeiras.

Leia também: Divulgação de Lista Suja do trabalho escravo terá de ser aprovada por Ministério

Foi informado que os beneficiários que não são correntistas em um dos bancos que administram os recursos do PIS/Pasep só poderão ter acesso ao abono salarial na quinta-feira (19), data anunciada pelo governo para o começo do calendário de pagamento do mesmo.

A retirada poderá ser feita nos terminais de autoatendimento, nas casas lotéricas, nos correspondentes bancários e nas casas lotéricas , dependendo do valor das cotas. A retirada é válida somente para os trabalhadores com carteira assinada que contribuíram para algum dos dois fundos até 4 de outubro de 1988.

Calendário

A partir do dia 17 de novembro os aposentados passam a ter acesso ao saque do abono e em dezembro, no dia 14, os beneficiários com idade a partir de 65 (homens) e 62 (mulheres) poderão solicitar o valor do auxílio a que tem direito. Vale ressaltar que não foi estipulada uma data limite para o saque do abono salarial, logo o trabalhador pode fazer sem pressa e evitando filas. Os herdeiros de cotistas falecidos podem sacar o dinheiro a qualquer momento.

Leia também: Mais da metade dos brasileiros não guarda dinheiro, indica pesquisa

Só não terá acesso ao benefício os trabalhadores que passaram a contribuir após o dia 4 de outubro de 1988. A justificativa para tal fato é que a partir da data mencionada a Constituição de 1988 passou a arrecadar os valores do benefício para o Fundo de Amparo ao Trabalhador ( FAT ), que paga o seguro-desemprego e o abono salarial, e para o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social ( BNDES ).

Montante

De acordo com o governo, a medida vai injetar R$ 15,9 bilhões na economia e beneficiar 7,8 milhões de pessoas. Desse total, R$ 11,2 bilhões virão dos saques do PIS , vinculado aos trabalhadores da iniciativa privada e administrado pela Caixa Econômica Federal , que beneficiarão 6,4 milhões de cotistas. O restante virá do Pasep, vinculado aos servidores públicos e administrado pelo Banco do Brasil.

Os trabalhadores que ainda estão em dúvida sobre o recebimento do benefício do PIS/Pasep podem consultar se tem ou não direito ao abono salarial por meio dos sites dos bancos que administram os recursos. Caixa www.caixa.gov.br/cotaspis  ou do Banco do Brasil www.bb.com.br/pasep .

Leia também: Restituição do quinto lote do Imposto de Renda será pago hoje

*Com informações da Agência Brasil