Tamanho do texto

Queda no resultado foi motivada, entre outros fatores, pela destinação de recursos para o Plano de Aposentadoria Extraordinária (PAE) da empresa

Eletrobras também teve queda no primeiro semestre, quando atingiu R$ 1,7 bilhão ante R$ 8,8 bilhões do ano passado
Agência Brasil
Eletrobras também teve queda no primeiro semestre, quando atingiu R$ 1,7 bilhão ante R$ 8,8 bilhões do ano passado

A Eletrobras registrou um lucro líquido que chegou a R$ 306 milhões no segundo trimestre de 2017. O resultado é bem abaixo do que a empresa conseguiu no mesmo período do ano passado, quando atingiu R$ 12,7 bilhões. Isso representa uma queda de 97,5%.

Leia também: TST condena empresa por submeter funcionários a exames toxicológicos

A queda no resultado foi influenciada, entre outros fatores, pela destinação de recursos para o Plano de Aposentadoria Extraordinária (PAE) da Eletrobras , que teve adesão de 2.097 funcionários e gerou um impacto no resultado de R$ 706 milhões.

Mesmo assim, a adesão ainda ficou abaixo do que era esperado no planejamento. A empresa queria alcançar ao menos 2.599. Os resultados, no entanto, ainda podem melhorar, de acordo com a companhia. A holding leva em consideração o fato de a subsidiária Amazonas GT ainda não ter aderido ao programa. Apesar da queda nos lucros, a empresa avaliou que o plano representará uma economia de quase R$ 874 milhões ao ano. 

Leia também: Michel Temer diz que Brasil deve recuperar grau de investimento em breve

Um outro fator que influenciou o resultado foi a contabilização da remuneração relativa aos créditos da Rede Básica do Sistema Existente (RBSE) referente às linhas de transmissão renovadas, acompanhando as condições de pagamento estabelecidas pelo Ministério de Minas e Energia.

Ainda de acordo com o que foi informado no balanço do trimestre, a receita operacional líquida chegou perto de R$ 9,1 bilhões. Além disso, teve o repasse positivo de Itaipu no total de R$ 129 milhões.

No que diz respeito ao lucro líquido gerencial, ainda entre os meses de abril e junho, a holding atingiu o valor de R$ 162 milhões. Este resultado indica uma melhora de 203% em relação ao segundo trimestre de 2016.

Leia também: Banco Central: indicadores confirmam estabilidade e recuperação da economia

Considerando todo o primeiro semestre de 2017, a Eletrobras registrou um lucro líquido de R$ 1,7 bilhão, enquanto no mesmo período de 2016 tinha registrado R$ 8,8 bilhões. O prejuízo líquido gerencial nos seis primeiros meses do ano ficou em R$ 38 milhões, o que na avaliação da empresa, representa melhora de 93% em relação ao primeiro semestre de 2016.

*Com informações da Agência Brasil