Brasil Econômico

O Tesouro Direto voltou a registrar estoque recorde em abril. Segundo dados divulgados nesta terça-feira (23) pelo Tesouro Nacional, os investimentos chegaram a R$ 44,6 bilhões no quarto mês do ano, equivalente ao maior montante da série histórica. O resultado representa elevação de 2,2% em relação a março, quando foram registrados R$ 43,6 bilhões. Na comparação com o mesmo período do ano passado, a alta é de 45,9%. Naquela ocasião, o estoque estava em R$ 30,5 bilhões.

Leia também: Prévia da inflação registrada em maio é a menor para o período desde 2000

Em abril, o Tesouro Direto registrou acréscimo de 44.389 investidores, totalizando 1.366.200 participantes. O resultado representa aumento de 85,2% na comparação com o mesmo período do ano passado. Apesar da alta no número de cadastros, foram 14.606 os novos investidores ativos, ou seja, que efetivamente realizaram algum tipo de aplicação. Com isso, o Tesouro registrou 476.141 pessoas com investimentos no momento, equivalente a alta de 67,7% nos últimos doze meses.

undefined
Shutterstock
Participação feminina entre investidores cadastrados no Tesouro Direto recebeu destaque em balanço

Leia também: Congresso continuará votando questões fundamentais, diz Henrique Meirelles

Os títulos do mais procurados pelos investidores foram aqueles indexados à inflação medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA). O modelo abrange os títulos Tesouro IPCA+ e Tesouro IPCA+ com Juros Semestrais e sua participação nas vendas correspondeu a 46% do total. Ao mesmo tempo, os títulos indexados à Selic ( Tesouro Selic ) representaram 36,6% das vendas e os prefixados ( Tesouro Prefixado e Tesouro Prefixado com Juros Semestrais) , 17,4%.

De acordo com o levantamento, o destaque foi a maior participação feminina no total de investidores cadastrados, que tem apresentado crescimentos consecutivos nos últimos 28 meses. Em abril, o índice de mulheres ficou em 25,4%, contra o recorde anterior de 25,2% registrado em março.

As aplicações atingiram R$ 1,49 milhão em abril. No período, os resgates chegaram a R$ 871,4 milhões, sendo R$ 870,7 milhões relacionados às recompras e R$ 700 mil aos vencimentos. Quando o prazo é levado em consideração, 17,6% dos investimentos ocorreram com títulos com vencimentos acima de 10 anos. As aplicações com títulos com prazo entre 5 e 10 anos representam 78,1% e as com prazo entre 1 e 5 anos, 4,3% do total.

Leia também: Veja as vantagens de investir seu FGTS em Tesouro Direto

No mês, foram realizadas 109.633 operações de investimento no Tesouro Direto. O valor médio por operação de investimento, porém, foi de R$ 13.602,59. A maior parte das operações (67%) é relativa a aplicações de até R$ 5 mil, o que evidencia a utilização do programa por pequenos investidores.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Mostrar mais

      Comentários