Ter uma equipe qualificada é essencial para a boa gestão de um negócio
Shutterstock
Ter uma equipe qualificada é essencial para a boa gestão de um negócio

Mesmo com uma melhora no clima de negócios, em 2017, a economia brasileira ainda deve levar algum tempo para retomar o caminho do crescimento depois de dois anos de queda consecutiva do PIB, que recuou 3,6% em 2016, segundo o IBGE. Já são 11 trimestres seguidos de recessão e, embora os números não sejam alentadores, a tendência é que o País volte a crescer ainda no segundo semestre deste ano. Para Guilherme Carvalho, CEO do Grupo QG, uma gestão eficaz é capaz de reduzir os efeitos deste cenário.

Leia também: Veja sete cuidados na hora de comprar o presente de Dia das Mães

“É preciso aprender com as dificuldades e sermos, nós, a mudança que queremos ver. Não adianta o empresário ficar reclamando. É preciso reinventar o negócio, ouvir os clientes e ter um diferencial”, explica. Abaixo, o CEO e especialista no assunto listou cinco dicas de gestão para os pequenos empresários. Veja:

1) Não culpe a economia

Os momentos negativos da economia do País devem ser superados. Em seu negócio, preste atenção no que o cliente quer e no que ele está dizendo sobre a sua empresa. Identifique os pontos negativos (e até mesmo positivos que estão com problemas) e se reinvente.

2) Não misture pessoa jurídica com pessoa física

Entre as principais falhas dos pequenos e médios empresários está a confusão da pessoa jurídica com a pessoa física. Quando fazem isso, os empreendedores acabam sangrando a lucratividade do negócio e firmando compromissos insustentáveis.

Leia também: Confira 10 concursos públicos que encerram inscrições neste mês de maio

Você viu?

É importante que, nestes casos, a renda do empresário seja estipulada por um pró-labore feito com base na média salarial do mercado para a função exercida. Ou seja, a sua retirada deve ser feita em com base no valor que você pagaria para um terceiro. No caso da divisão de lucros, a regra pode ser mais flexível, mas ainda é preciso tomar algumas precauções.

3) Tenha um diferencial 

Para ter um negócio de sucesso, você precisa ter um diferencial competitivo. Se não tiver isso, a empresa perde força na conquista de novos clientes. Para que um negócio tenha sustentabilidade no curto, médio e longo prazo, é preciso entregar algo diferente, pois a concorrência pode aparecer com uma novidade e esmagar quem não se preparou.

4) Sua equipe deve ser melhor do que você

A principal função do gestor é colocar a pessoa certa no cargo adequado. É preciso formar uma equipe bem qualificada que tenha competência para tomar decisões por você. Esses profissionais devem trazer conhecimento, agregar. Ao fazer isso, o empreendedor precisa ter humildade e reconhecer que, por ser um time de especialistas, ele certamente vai saber menos.

Leia também: Sete dicas para deixar o medo de lado e mudar de carreira

5) Faça mais, melhor e mais barato

Procure trabalhar pontos como produtividade e assertividade na gestão do seu negócio. Se você não redimensionar a empresa o tempo inteiro, acaba ficando para trás. Se você seguir as etapas citadas, o sucesso estará mais próximo, mas ainda será preciso muito trabalho para que esses pontos se tornem cultura dentro da companhia.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários