Tamanho do texto

Para abrir seu próprio negócio, é necessário considerar uma série de gastos iniciais; saiba quais são estes investimentos e a importância de cada um deles

Brasil Econômico

O cálculo de gastos de uma franquia envolve capital de giro e aquisição de um estoque inicial
iStock
O cálculo de gastos de uma franquia envolve capital de giro e aquisição de um estoque inicial

Quem deseja adquirir uma franquia deve ter em mente todos os gastos que serão necessários para dar início ao empreendimento. O cálculo do investimento inicial se dá por meio de uma série de gastos que serão indispensáveis para abrir um negócio. 

LEIA:  Veja como a ciência pode encorajá-lo a deixar o emprego que odeia

Além das taxas de franquias, existem condições contratuais e algumas outras exigências das empresas para liberarem uma nova unidade franqueada, portanto, tudo isso também entra no cálculo . Confira abaixo tudo que você deve considerar para abrir seu empreendimento:

Taxa de franquia

Essa taxa é valor inicial que deve ser pago pelo franqueado. Ela dá direito ao empreendedor de fazer parte da rede e ter sua própria unidade. Em alguns dos casos, este valor já inclui o treinamento inicial que será passado ao franqueado e aos funcionários do estabelecimento. Geralmente, a taxa é paga ao assinar o contrato.

Capital de giro 

Para iniciar o funcionamento de sua franquia, é necessário ter certa quantidade de capital de giro, ou seja, o dinheiro que vai rodar no dia a dia. O valor necessário para isso é sugerido pelo franqueador e varia em cada caso. Essa verba é de extrema importância pois garante que a empresa consiga se manter trabalhando durante os primeiros meses. 

LEIA MAIS:  Saiba como fazer um bom plano de negócios para o seu empreendimento

Estoque

Caso a franquia escolhida trabalhe com a venda de produtos, é importante separar uma verba para investir no estoque inicial da empresa. Essa tarefa costuma ser facilitada pelo franqueador, que, normalmente, indica quais são os itens que devem ser comprados e a quantidade ideal de cada um deles. 

Se a empresa que você escolheu para franquear atuar no segmento de serviços, este estoque será inexistente ou muito reduzido. Os gastos, nessa situação, acontecem com os equipamentos que serão utilizados durante o trabalho. 

Ponto comercial

Existem algumas franquias que não exigem um ponto físico para funcionar, principalmente quando a empresa trabalha com a prestação de serviços, pois o trabalho pode ser realizado diretamente na casa do cliente.

LEIA TAMBÉM:  Atenção, gestores: millennials querem que vocês entendam estes conceitos

Algumas outras no entanto, em principal as do varejo, têm a necessidade de uma loja para atuar. Sendo assim, esse gasto também deve entrar no cálculo do total que será investido. O local deve ser muito bem planejado, pois está diretamente relacionado ao sucesso do estabelecimento.