Tamanho do texto

Montar uma equipe qualificada e diversificada é meio caminho andado para garantir o sucesso de um negócio; acompanhe!

Brasil Econômico

Uma contratação equivocada na hora errada por custar muito caro a uma empresa. Por isso, a contatação das pessoas certas durante o período de desenvolvimento de uma startup pode ser decisiva para o sucesso dessa empresa.

Funcionários criativos são capazes de vizualizar um produto que pode ser construído, então eles são os primeiros que devem ser contratados
Divulgação
Funcionários criativos são capazes de vizualizar um produto que pode ser construído, então eles são os primeiros que devem ser contratados

De acorco com o colunista do site Entrepreneur Brian Hamilton, é de extrema importância que qualquer empresário que esteja se aventurando no mundo do empreendedorismo pela primeira vez faça escolhas inteligentes, ou melhor, contrate pelo menos cinco funcionários com perfis bem diferentes  e que sejam capazes de contribuir com as tarefas uns dos outros.

Descubra quais características devem ter a equipe da sua startup para que ela seja bem sucedida, especialmente no setor de tecnologia.

1. Alguém que seja criativo

Primeiro, você precisa de uma pessoa criativa, que esteja a frente da concepção do seu produto. Funcionários criativos são capazes de vizualizar um produto que pode ser construído, então eles são os primeiros que você deve contratar.

2. Alguém que seja detalhista

O funcionário criativo vai precisar trabalhar com uma pessoa que seja detalhista para traçar um plano concreto que defina como o produto ou serviço será desenvolvido. Em uma empresa de tecnologia, seria essa pessoa a responsável por criar os moldes e especificações de seu produto. É ela quem vai encabeçar pesquisas e encontrar as informações necessárias para tirar as ideias do funcionário criativo do papel.

3. Alguém que matenha o foco no processo

Após a formulação de um conjunto detalhado de especificações, você vai precisar de alguém que se mantenha focado no desenvolvimento do processo. É essa pessoa que vai se certificar de que há realmente um sistema disponível que torne possível a materialização do conceito do produto ou serviço que você está propondo. É ela também quem vai garantir que cada pessoa da equipe desenvolva o seu papel.

4. Alguém que ponha a mão na massa

Depois de encontrar a pessoa que vai mostrar o quão viável é o projeto proposto, é hora de contratar a pessoa que tem as habilidades técnicas para, de fato, construir o produto. No mundo da tecnologia, esse funcionário seria um desenvolvedor ou um engenheiro. A esse ponto, você terá uma ideia, pesquisas e informações que sustentam essa ideia, o molde de um produto, um sistema no qual ele será trabalhado e as técnicas para concretizá-lo. A equipe está completa, certo? Ainda não!

5. Alguém que seja impaciente e comprometido com prazos

A essa altura, você precisará contratar alguém de seja comprometido com prazos. É esse funcionário que vai imprimir ritmo e velocidade à realização de todo o projeto. Em outras palavras, é ele quee vai pressionar os outros funcionários para que eles entreguem resultados (e rapidamente). Provavelmente, será o funcionário mais impopular da equipe, mas é parte essencial para que os objetivos da empresa sejam alcançados.

Pronto. Agora pense em como todas essas pessoas podem trabalhar juntas. Sim, as coisas podem ficar bastante complicadas, e é preciso que o empresário tenha bastante paciência e inteligência para organizar a equipe de modo que ela consiga trabalhar de maneira coesa e eficiente.