Tamanho do texto

Vendas reais recuaram 3% no período encerrado em fevereiro, contra uma queda de 2,73% no acumulado do ano passado

Vendas de alimentos industrializados, em termos reais, podem cair 0,7%, segundo estimativa da Abia
Tânia Rêgo/ABr
Vendas de alimentos industrializados, em termos reais, podem cair 0,7%, segundo estimativa da Abia


A produção de alimentos industrializados seguiu em queda nos dois primeiros meses de 2016, de acordo com levantamento da Associação Brasileira das Indústrias da Alimentação (Abia). Pesquisa da entidade indica que, no acumulado dos 12 meses encerrados em fevereiro, o volume produzido pelo setor caiu 3,5% uma piora ante os 2,96% dos 12 meses encerrados em dezembro de 2015.

O recuo afetou também a receita. As vendas reais, descontada a inflação do período, recuaram 3% no período encerrado em fevereiro contra uma queda de 2,73% registrada no acumulado do ano passado.

Depois da retração em 2015, a Abia acredita que este ano ainda será de queda tanto na produção física como no faturamento. Apesar disso e do começo de ano ruim, a expectativa é de uma queda menos acentuada que a do ano passado.

A Abia projeta que este ano o volume produzido pode registrar queda de até 0,8%. Já as vendas em termos reais podem cair 0,7%, segundo estimativa da entidade.