Nubank anuncia aquisição da corretora de investimentos Easynvest

A forte alta das ações do Nubank em Nova York nesta quinta-feira mostram o quanto a empresa obteve sucesso nos últimos anos e o quanto o mercado é OTIMISTA em relação aos resultados futuros do banco digital. Não é qualquer empresa que, em menos de uma década, sai de uma garagem e se torna o banco de maior valor no Brasil e em toda a América Latina.

Com o apoio pesado de grandes nomes, como Warren Buffett, o Nubank é visto como um dos principais neo banks do mundo no momento, junto com o alemão N26. Ontem, a abertura de capital da instituição fez alguns merecidos bilionários, que devem ser pessoas muito felizes no momento.

Leia Também

Leia Também

O problema é que nem tudo saiu como nos planos. E eu nem estou falando do fato de que o valuation foi muito abaixo dos US$ 100 bilhões desejados no primeiro instante – essa expectativa provavelmente era irreal, foi revista rapidamente e não atrapalhou em nada. E não há dúvidas de que o Nubank é uma instituição capaz de alcançar um valuation gigantesco lá na frente.

O “fracasso” do Nubank nesta história, inclusive, diz menos sobre a empresa e mais sobre o Brasil. De alguma forma, o “fracasso” do Nubank é o fracasso do Brasil. Mas o que deu errado? O número de investidores que aceitaram o seu pedacinho foi bem menor do que o esperado pela empresa, batendo “apenas” 7,5 milhões de usuários dentro do NuSócios.

Leia a matéria completa no  site do 1Bilhão .

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários