O IPO do Nubank, maior banco digital do mundo, está cada vez mais próximo. Programado para o final de novembro deste ano, a instituição vai estrear na Bolsa de Valores norte-americana, o Índice Nasdaq, com um valor de mercado de aproximadamente US$ 70 bilhões.

Já no Brasil, o Nubank planeja lançar seus Brazilian Depositary Receipts (BDRs), ou seja, certificados de ações estrangeiras negociados na Bolsa brasileira (B3).

Recentemente, a fintech divulgou também que irá distribuir alguns recebidos para clientes pré-selecionados através do programa NuSócios. Sendo assim, o banco planeja doar entre 18,3 milhões e 22,9 milhões de BDRs.

Vocês entrariam no IPO do Nubank? Pensam em investir nas BDRs? Descubra se vale a pena fazer parte da estreia do banco digital:

Leia Também

Lucro no primeiro semestre

Pela primeira vez desde sua fundação em 2013, o Nubank registrou lucro. O valor informado pelo banco digital foi de R$ 76 milhões no primeiro semestre de 2021.

No entanto, vale lembrar que a quantia é inferior ao que a instituição já tomou de prejuízo. Só em 2020, foram R$ 230 milhões de baixa.

De acordo com Raphael Figueredo , analista da Eleven Financial, esse lucro pode ter sido uma medida estratégica da empresa. Afinal, a mesma só vinha dando prejuízo até então.

“O Brasil não tem costume de investir em empresas que dão prejuízo, o que é o principal motivo para a abertura de capital nos EUA”, afirma o especialista.

O IPO do Nubank está caro ou barato?

Para Figueredo, é importante entender que o Nubank se encontra em um oceano azul de oportunidades. O brasileiro está aprendendo a investir agora, se bancarizando, saindo daquela conta clássica dos grandes bancos e indo para o universo digital.

Leia a matéria completa no site do 1Bilhão.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários