Tamanho do texto

A instituição afirma que, dependendo do relacionamento do cliente, redução das taxas poderá ser ainda maior; pacote começa a valer no dia 19 de agosto

A Caixa Econômica Federal anunciou nesta quarta-feira (31) que irá fazer cortes nas taxas de juros nas principais linhas de crédito para pessoas físicas e jurídicas a partir de quinta-feira (1º).  Além disso, no dia 19 de agosto, o banco lançará um novo pacote de produtos, o "Caixa Sim", com taxas ainda mais atrativas aos clientes, diminuindo os juros em até 40%. 

Leia mais: Aprenda a consultar o saldo do FGTS e já calcule quanto poderá sacar em 2020

Presidente da Caixa Econômica Federal, Pedro Guimarães arrow-options
Valter Campanato/Agência Brasil - 7.1.19
O presidente da Caixa Econômica Federal, Pedro Guimarães, anunciou cortes nas taxas de juros a partir de agosto

No cheque especial, a redução para pessoas físicas é de 26%. A taxa máxima cairá de 13,45% ao mês para 9,99%. No crédito pessoal, o percentual máximo passará de  4,99% ao mês para 2,29%. 

No caso de pessoas jurídicas, a redução imediata no cheque especial é de 33%, saindo de 14,95% ao mês para 9,99% ao mês.

Em relação ao pacote "Caixa Sim", o banco passará a oferecer aos clientes pessoas física condições de crédito ainda mais facilitadas. A taxa do cheque especial ficará em 8,99% ao mês (redução de 33%). Para empresas a redução nessa linha será de 40%, também para 8,99% ao mês.

Também será anunciado o novo cartão de crédito do banco, internacional e sem anuidade, com crédito rotativo a 8,99% ao mês.  O crédito pessoal, terá redução de até 21% nas taxas cobradas - atualmente o piso é 4,99% ao mês, e será de 2,29% ao mês. Mas, nessas situações, as taxas variam conforme o perfil do cliente.

Leia também: INSS terá prova de vida pelo celular e identificação facial ainda em 2019

Para empresas, a Caixa vai reduzir 11% das taxas de capital de giro em operações com aval de sócios, e de 13% nas de capital de giro com aval de sócios incluindo imóvel ou aplicação financeira.