Tamanho do texto

Segundo a ANP, o preço médio do litro da gasolina passou para R$ 4,198 na última semana; diesel, etanol e gás de cozinha também ficaram mais caros

Brasil Econômico

Última redução no preço da gasolina foi registrada em novembro, quando o litro foi vendido por R$ 3,878
Shutterstock
Última redução no preço da gasolina foi registrada em novembro, quando o litro foi vendido por R$ 3,878

O preço médio da gasolina para os consumidores subiu pela 13ª semana consecutiva, de acordo com dados da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP). A última redução no preço médio do combustível foi registrada na semana entre 22 e 28 de outubro, quando o litro passou de R$ 3,886 para R$ 3,878. Na última semana, entre 21 e 27 de janeiro, o preço médio ficou em R$ 4,198.

Leia também: Juros para quem paga o mínimo do cartão de crédito chegam a 233% ao ano

Na comparação com a semana anterior, o preço da gasolina teve alta de 0,1%. Segundo a ANP, o resultado reflete a elevação de preços em 13 estados: Bahia, Ceará, Goiás, Maranhão, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Pará, Paraíba, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, São Paulo e Sergipe. No Amazonas, o preço médio permaneceu estável. Nos demais estados e no Distrito Federal, houve queda nos preços.

Leia também: Brasil fecha mais de 20 mil vagas de emprego com carteira assinada em 2017

Nos últimos meses, a Petrobras têm anunciado variações praticamente diárias no preço dos combustíveis para as distribuidoras. As mudanças fazem parte de uma nova estratégia da empresa, que visa maior alinhamento com o mercado internacional. "A política de preços para a gasolina e o diesel vendidos em nossas refinarias às distribuidoras tem como base o preço de paridade de importação", afirma a estatal.

Diesel e etanol também ficaram mais caros

Na última semana, o preço médio do diesel para os consumidores subiu de R$ 3,377 para R$ 3,381 o litro. O combustível apresentou alta nos preços pela quinta semana consecutiva. O último registro de queda no preço do diesel nos postos foi feito na semana entre 17 e 23 de dezembro, quando o litro passou de R$ 3,327 para R$ 3,318.

O preço do litro do etanol  passou de R$ 2,991 para R$ 3,002 na última semana. Há 16 semanas o combustível não registra queda nos preços para os consumidores. A última redução no preço do etanol ocorreu na semana entre os dias 8 e 14 de outubro, quando o litro do combustível passou de R$ 2,637 para R$ 2,628.

Preço do gás de cozinha tem alta considerável

O levantamento indica, ainda, alta de 0,58% no preço do gás de cozinha na última semana. O valor médio pago por um botijão de 13 quilos passou de R$ 67,08 para R$ 67,47. Na comparação com o valor de um ano atrás, a alta é significativa. Na semana entre 22 e 28 de janeiro de 2017, o botijão de 13 quilos era vendido por R$ 55,50.

Leia também: Elas chegaram para ficar: conheça as fintechs, o futuro do setor financeiro

A última edição do levantamento da ANP consultou o preço da gasolina em 5.755 postos de todo o país. Os valores do diesel foram mapeados em 3.263 postos e do etanol, em 5.107. O preço médio do gás de cozinha foi levantado a partir da consulta feita em 4.367 estabelecimentos.

* Com informações da Agência Brasil.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.