Tamanho do texto

Além de trazer celebrações, final do ano pode servir para que profissionais consigam ganhar dinheiro a mais e começar o ano com suas contas em dia

Trabalhos de final de ano podem fazer com que profissional consiga ganhar dinheiro extra para as despesas
shutterstock
Trabalhos de final de ano podem fazer com que profissional consiga ganhar dinheiro extra para as despesas

Enquanto você planeja sua vida em 2018, provavelmente está gastando muito com os custos de final de ano, como festas e presentes, por exemplo. Nesses momentos, uma renda extra pode ser muito útil, mas você sabe o que pode fazer para ganhar dinheiro a mais na última semana de 2017?

Leia também: Estimativa da inflação cai pela quinta vez seguida e chega a 2,78%, aponta BC

Segundo o portal Bicos, a demanda por alguns profissionais aumenta nessa época do ano. Uma pesquisa feita pela plataforma, baseada nos dados de mais de 90 mil usuários, mostrou que as diaristas são as mais procuradas no período e, assim, conseguem  ganhar dinheiro  para ajudar com as contas.

“Viajando ou não, todos querem comemorar as festas de final de ano com tudo organizado e a casa bem arrumada, por isso, a contratação desses profissionais se torna fundamental para dar uma mão nos infindáveis afazeres domésticos”, afirmou Kleber Costa, CEO do Bicos.

Leia também: Prazo para saque do abono salarial de 2015 termina nesta quinta-feira

Confira a lista completa com os 10 profissionais mais procurados e saiba se você tem grandes chances de fazer uma renda extra no final do ano:

1º -  Diarista
2º -  Eletricista
3º -  Técnico de informática
4º -  Garçom
5º -  Motorista
6º -  Animador de festa
7º -  Alimentação (buffets, drinques)
8º -  Manutenções
9º -  Cabeleireiro
10º -  Cuidador de idoso

A justificativa para que a busca por eletricistas aumente nessa parte do ano são as iluminações decorativas tradicionais da época. Estes enfeites, no entanto, são mais comuns no Natal. Os técnicos em informática são muito procurados pelos e-commerces, para evitar que o excesso de usuários faça os sites caírem.

Quem se dá bem com o público pode conseguir os “bicos” que aparecem do 4º ou 6º lugar no levantamento. Garçons, motoristas e animadores de festas costumam ser procurados por pessoas que não estão muito dispostas a realizar por conta própria alguns afazeres, surpreender seus convidados ou fazer um evento mais elaborado.

Leia também: Nova lei obriga lojas a exibirem preços com mais clareza na internet

Segundo Costa, entre novembro e dezembro, a demanda por profissionais freelancer aumentou cerca de 30% - e a tendência é que cresça ainda mais. Para o CEO, essa pode ser uma oportunidade para quem precisa ganhar dinheiro para deixar as contas em dia e começar o ano no azul.  

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.