Brasil Econômico

Brasil Econômico

undefined
Agência Brasil
Queimadas exigem atenção do Corpo de Bombeiros no Mato Grosso

O Mato Grosso passa por uma fase problemática em relação aos incêndios florestais. Há uma semana, 20 quilômetros de queimadas  atingiram a vegetação do Parque Estadual da Serra Ricardo Franco, no município de Vila Bela da Santíssima Trindade. As chamas já destruíram mais de dois mil dos 150 mil hectares que fazem parte da área do parque. As informações são do Diário de Cuiabá.

LEIA:  CNI pede fim de tratado marítimo que aumenta fretes e prejudica agronegócio

Este, no entanto, representa representa apenas mais um foco de queimadas . De acordo com o o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), até o final da manhã da última quarta-feira, o Estado havia registrado o total de 15.074 focos de calor. O número é quase o dobro do Tocantins, que, com 7.934 pontos, ficou em segundo lugar nesta avaliação.

No último dia 19, por exemplo, houve o início de incêndio na Serra Ricardo Franco. Na segunda-feira (22), foram deslocadas equipes do Corpo de Bombeiros de Cuiabá para auxiliar no controle das chamas. Na quarta-feira (24), havia 45 homens do Ciopaer e do Corpo de Bombeiros trabalhando, no mínimo, em duas frentes de controle.

A ação aconteceu não somente de forma terrestre, dentro da mata. Também houve apoio de aeronaves que lançavam água em direção às ares de clareira. Com isso, o combate às chamas era facilitado. As equipes também contavam com auxílio de helicóptero. 

De acordo com o o tenente-coronel Paulo André Barroso, comandante do Batalhão de Emergências Ambientais (BEA), esse controle direto aéreo e terrestre é realiza na frente de fogo do setor sul. Enquanto isso, a frente de fogo no registrada no setor norte, que está queimando na encosta, é de acesso muito difícil, trazendo a necessidade de fazer um aceiro para combater o incêndio. Ainda não há informações sobre o que pode ter dado início ao incêndio. 

LEIA MAIS:  Aposentados e pensionistas recebem primeira parcela do 13º salário nesta quinta

Também segundo Barroso, a subida do fogo para o paredão foi evitada pelas equipes, assim impedindo que as chamas chegassem até a parte de chapada. O tenente-coronel afirmou que o fogo chegou até o local, mas que uma equipe composta por 12 bombeiros conseguiu controlar e fazer o monitoramento das queimadas. 


    Veja Também

    Mais Recentes

      Mostrar mais

      Comentários