Contato Radar

undefined
Calebe Murilo
Após novas medidas de bloqueio, EasyJet reduzirá operações na Itália

Em meio as constantes medidas de bloqueio, impostas pelos países por conta da pandemia, a aviação vem sendo diretamente afetada. Consequentemente, diversas companhias tiveram que se adaptar.

Com isso, a transportadora inglesa de baixo custo Easyjet planeja reduzir suas operações na Itália em três aeroportos: Milão Malpensa (MXP), Veneza Marco Polo (VCE) e Nápoles Capodichino (NAP). Além disso, a frota operante no país será reduzida.

Esteja informado: clique aqui  e leia mais notícias de aviação!

Sendo assim, a EasyJet reduzirá sua frota em 9 aviões, diminuindo o número total de 36 para 27 aeronaves. Paralelo a isso, a companhia ainda enfrenta dificuldades causadas pelas restrições impostas no Reino unido.

A Itália continua sendo um mercado-chave, mas sem uma redução estrutural de custos e apoio ao setor por parte das instituições, a possibilidade de uma recuperação real do setor está excluída.

Disse Lorenzo Lagorio, country manager da EasyJet na Itália.

Ademais, a empresa relatou neste mês uma perda de 1,4 bilhão de euros, até o final de setembro de 2020. A companhia aérea também anunciou que o número de passageiros caiu 50% em comparação ao ano anterior.

O post Após novas medidas de bloqueio, EasyJet reduzirá operações na Itália apareceu primeiro em Contato Radar - Notícias de aviação .

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários