Zeladoria e cuidados com a estrutura da propriedade é um indicador de boa gestão
Fazenda Guarany/Divulgação CeO Agro
Zeladoria e cuidados com a estrutura da propriedade é um indicador de boa gestão

O termo "gestão de propriedade rural" pode ser conceituado como a administração dos recursos disponíveis e potenciais visando o aumento da produtividade, o melhor uso da terra, água, máquinas, equipamentos e pessoal. Mas será que é só isso?

No campo, zelar pela manutenção dos equipamentos e do patrimônio material da fazenda pode fazer bem não apenas para os olhos, mas também para o bolso.

De acordo com Cristiane Guassu , CEO da Integragro Consultoria, empresa que atua na orientação de sistemas produtivos e gerenciamento de propriedades rurais, uma estrutura física bem conservada contribui para uma produção com maior qualidade e volume .

Questões de limpeza e manutenção também impactam na saúde dos animais e colaboradores, na conservação de insumos, além de refletir diretamente no custo final do produtor.

"As áreas de cocho são um bom exemplo. Quando estão mal-conservadas podem armazenar fungos e bactérias, prejudicando a saúde do animal . Pode também acarretar a perca de alimento, água e sal que são colocados no cocho, resultando em um prejuízo financeiro para o produtor. Por isso, o tipo de cocho mais adequado é o de plástico ou com estrutura menos porosa, facilitando a limpeza e armazenando menos quantidade de bactérias e fungos", explica.

A executiva dá outros exemplos de como o serviço de zeladoria pode ser importante também para as áreas externas da propriedade. Segundo ela, manutenções preventivas de cercas reduzem o custo e evitam outras ocorrências, como a de animais soltos em áreas de risco ou em propriedades vizinhas, além de contribuir para o aumento na vida útil do equipamento.

Áreas administrativas

A sede da fazenda, áreas administrativas e casas de colonos formam o cartão de visita da propriedade e ajudam na melhoria das condições de trabalho e moradia dos colaboradores quando bem cuidadas. A conservação agrega valor venal a propriedade, aumentando o valor do patrimônio do produtor.

De acordo com Talitha Casella, Engenheira da Integragro Consultoria, "manter a estrutura física da propriedade em relação a manutenção de cercas, estruturas produtivas e instalações, reflete cuidado, preocupação e planejamento com as atividades que acontecem na propriedade, valorizando o imóvel e indicando que a gestão está funcionando."

Para Cristiane Guassu, uma propriedade bem apresentável quanto as condições de limpeza das instalações, acessos adequados, cercas de qualidade, plantas daninhas controladas, ambiência animal e dos trabalhadores, além de pastagens bem cuidadas, criam um sentimento de confiança no produtor e no produto ofertado. Ela reforça: "uma infraestrutura adequada reflete em exemplo para outras propriedades do setor e podem se tornar referência agregando valor também ao seu produto."

Propriedades agroindustriais ou de turismo rural

Você viu?

A manutenção preventiva da propriedade rural é de extrema importância e pode contribuir para a redução de custos com manutenção corretiva mais altas, não planejadas e, na maioria das vezes, que geram grandes preocupações ao produtor.

Mas não apenas as propriedades rurais tradicionais devem se atentar a estes cuidados. Fazendas que tem como objetivo atender à agroindústrias, ou ainda aquelas que focam suas atividades no crescente ramo do turismo rural também devem dar maior atenção a manutenção, revisão de maquinários, implementos e conservação das estradas e vias de acesso. A CEO da Integragro Consultoria explica como deve ser feito o serviço de zeladoria nestes dois tipos específicos de propriedades rurais.

- Propriedades que tem como objetivo atender as agroindústrias: "Além de uma infraestrutura organizada e conservada, ela precisa se mostrar funcional para a atividade, sendo bem planejada e distribuída. Isso irá facilitar trabalhar com grande produtividade de forma mais ágil e evitando perdas de produto final e insumos."

- Propriedades que tem como foco o turismo rural: "Além da preocupação com a infraestrutura, é preciso se preocupar e investir no aspecto visual da propriedade, como jardins e as áreas de recreação.

Deve possuir um ambiente agradável para venda de produtos feitos na propriedade e/ou por parceiros e investir em comunicação visual, sinalizando os ambientes da propriedade. Também deve ter grande atenção com a segurança do ambiente, indicando quais locais há possível risco de queda, áreas perigosas para nadar, risco com os animais, entre outros."

Uma questão também ambiental

Cristiane Guassu lembra que cuidar da zeladoria e manutenção nas fazendas não é apenas uma questão de estética ou comercial. Ela pode ser também ambiental.

"A manutenção de cercas, principalmente aquelas que protegem as áreas de preservação permanente e que definem os limites da propriedade, pode até parecer um simples detalhe, mas mantê-las em boas condições reflete preocupação em cumprir os requisitos legais de preservação ambiental, planejamento no uso do solo, preocupação com a segurança da fauna local e com a segurança de quem está na propriedade e ao entorno dela", diz.

Ela ressalta que ao produtor rural é essencial realizar um planejamento anual ou semestral de manutenção geral da propriedade, contendo inventário de máquinas, equipamentos e datas que deverão passar por revisão.

Lembra ainda que para a infraestrutura, o ideal é programar revisões trimestrais em áreas de estrada, cercas e demais instalações da propriedade a fim de propiciar a manutenção preventiva. "É importante também mensurar uma previsão de custos para estas manutenções. Ter um histórico de manutenções passadas ajuda a encontrar este valor ou realizar novas cotações", finaliza.

Com informações de Régis Nascimento/CeO Agro

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários