Pagamentos dever ser feitos até o fim de agosto
Redação 1Bilhão Educação Financeira
Pagamentos dever ser feitos até o fim de agosto

O Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) vai distribuir aos trabalhadores R$ 13,2 bilhões, referentes ao lucro líquido auferido em 2021. A quantia representa 99% do resultado obtido no ano passado, que foi de R$ 13,3 bilhões. Foi o melhor resultado dos últimos cinco anos. Terão direito ao crédito os cotistas com saldo na conta vinculada em 31 de dezembro, um total de 106,7 milhões de pessoas.

O índice para a correção das contas é 0,02748761, divisão do lucro auferido pelo saldo total das contas em 31 de dezembro , de R$ 480,3 bilhões. Ou seja, para cada R$ 1 mil que o trabalhador tinha na conta em 31/12/2021 serão creditados R$ 24,48.

A medida foi aprovada pelo Conselho Curador do FGTS nesta sexta-feira. A Caixa Econômica Federal tem até o fim de agosto para fazer a distribuição entre as contas vinculadas. A distribuição do lucro foi uma forma de melhorar a rentabilidade para os trabalhadores, que é de 3% ao ano, mais a Taxa Referencial (TR).

Mas com a alta na inflação, a divisão do lucro do FGTS não permitirá que as contas do fundo reponham as perdas. É a primeira vez que isso ocorre desde 2017. Com a distribuição, o rendimento total para os trabalhadores em 2021 ficará em 5,83% contra uma inflação de 10,06% no mesmo ano, Índice Nacional de Preços Consumidor (IPCA).

Entre no  canal do Brasil Econômico no Telegram e fique por dentro de todas as notícias do dia. Siga também o  perfil geral do Portal iG

Em 2020, o rendimento total do FGTS com a distribuição do lucro foi de 4,92% (inflação de 4,52%). Em 2019, ficou em 4,90% (inflação de 4,31%). Em 2018, rendimento foi de 6,18% (inflação de 3,75%).

Cerca de 207 milhões de contas

Desde 2017, o FGTS faz a divisão do lucro entre os trabalhadores, como uma forma de melhorar o rendimento dos cotistas. No ano passado, foram distribuídos R$ 8,1 bilhões do lucro registrado em 2020, que foi de R$ 8,5 bilhões.

Cerca de 207,8 milhões de contas serão contempladas com o crédito em valor proporcional ao saldo existente na conta em 31 de dezembro de 2021. Há casos de trabalhadores com mais de uma conta.

A parcela do lucro que será creditada pela Caixa é incorporada ao saldo da conta e só pode ser retirado nas modalidades de saque. Entre elas, demissão sem justa causa, compra da casa própria, aposentadoria, saque aniversário e doenças graves.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários