Fed anunciou maior taxa desde 1994
Felipe Sichel
Fed anunciou maior taxa desde 1994

O Federal Reserve (Fed, Banco Central americano) anunciou aumento da taxa básica de juros dos Estados Unidos em 0,75 ponto percentual, a maior alta de uma única vez desde 1994. A medida drástica tem como objetivo segurar a inflação, que está no maior patamar dos últimos 40 anos nos EUA.

Além disso, o Fed sinalizou que vai seguir aumentando os juros de forma agressiva este ano, o que fez aumentar o temor de que a economia americana, a maior do mundo, entre em recessão.

Com a alta de 0,75 ponto percentual, a taxa básica de juros do país vai oscilar entre 1,5% e 1,75% ao ano. O presidente do Fed, Jerome Powell, e os demais membros do comitê de política monetária do BC americano (Fomc, na sigla em inglês) afirmaram ainda que as taxas vão subir a 3,4% ao ano até dezembro.

Entre no  canal do Brasil Econômico no Telegram e fique por dentro de todas as notícias do dia. Siga também o  perfil geral do Portal iG

Na última sexta-feira, os dados mostraram que o índice de preços ao consumidor aumentou 8,6% nos 12 meses até maio, recorde em 40 anos, desafiando as previsões de que a inflação já havia atingido o pico.

Ainda mais preocupante que esse resultado foi a pesquisa de opinião da Universidade de Michigan, que mostra que os entrevistados esperam que os preços subam 3,3% ao ano nos próximos cinco a dez anos, o maior valor desde 2008.

Powell até então, vinha adotando uma postura de cautela e sinalizando com antecedência altas mais intensas de juros. A decisão de hoje foi uma guinada na estratégia do Fed.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários