Em protesto, lojistas promovem 'Dia Livre de Impostos' nesta quinta
Valter Campanato/Agência Brasil
Em protesto, lojistas promovem 'Dia Livre de Impostos' nesta quinta

Em protesto contra a carga tributária, lojistas de todo o país venderão mercadorias e serviços nesta quinta-feira (2) sem repassar os impostos para os consumidores. Chamado de 'Dia Livre de Impostos', o movimento organizado pela Confederação Nacional dos Dirigentes Lojistas (CNDL) e pela Câmara de Dirigentes Lojistas Jovem (CDL Jovem) promete oferecer descontos de até 70% no valor final do produto.

Entre no  canal do Brasil Econômico no Telegram e fique por dentro de todas as notícias do dia. Siga também o  perfil geral do Portal iG

"Queremos mostrar para a população como as taxas são abusivas. O Dia Livre de Impostos cresce a cada ano e isso mostra a importância da ação para a conscientização de toda a sociedade a respeito da alta taxa tributária cobrada no Brasil", afirma o presidente da CNDL, José César da Costa.

A ideia, segundo a confederação, é apontar para os consumidores como os impostos representam grande parte do preço dos produtos. Segundo levantamento do Instituto Brasileiro de Planejamento Tributário (IBPT) realizado em outubro do ano passado, o Brasil tem a 14ª maior carga tributária do mundo e é o segundo país que mais cobra impostos globalmente.

"A nossa principal intenção é unir os consumidores e os lojistas em uma ação de conscientização e de protesto, para mostrar a insatisfação que temos com a carga tributária de mais de 40% sobre o consumo médio dos produtos, o que faz dela uma das maiores do mundo", diz Raphael Paganini, coordenador Nacional da CDL Jovem.

Por causa da pandemia de Covid-19, nos últimos dois anos, o 'Dia Livre de Impostos' teve foco na parte digital. Este ano, com o fim do decreto de emergência sanitária, a campanha volta às ruas com atividades nos shoppings centers, postos de gasolinas e lojas do varejo em diversas cidades do país.

Como vai funcionar?

A sede do movimento será o Ilha Plaza Shopping, localizado na Ilha do Governador, no Rio de Janeiro. O espaço deve oferecer descontos de até 60% em cima do valor final dos produtos. Entre as várias lojas participantes estão grandes nomes como Arezzo, Via Mia, Piticas, Puket, Imaginarium, Reserva, Loccitane, Mr. Cat e Valisere.

"As atividades físicas acontecerão em ações espalhadas por todo o Brasil, mas haverá uma concentração no Shopping Plaza, localizado na Ilha do Governador, no Rio de Janeiro. Lá realizaremos entrevistas ao vivo e ações de conscientização, mostrando o que significa o desconto dado no Dia Livre de Impostos", declara Paganini.

Outras capitais, como Goiânia (GO), Manaus (AM) e Vitória (ES), também terão ações nos shoppings centers. Já em Brasília (DF), o foco será nos postos de gasolina. Em Belo Horizonte (MG), a iniciativa ficará concentrada nas ruas da cidade.

No site https://dialivredeimpostos.com.br/ , é possível conferir todos os estabelecimentos que participarão do Dia Livre de Impostos.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários