Saiba como conseguir empréstimo no Caixa Tem mesmo com nome sujo
Tay Rodrigues
Saiba como conseguir empréstimo no Caixa Tem mesmo com nome sujo

No mês passado, a Caixa Econômica Federal anunciou uma  nova linha de microcrédito para trabalhadores autônomos e microempreendedores individuais (MEIs).  Segundo o banco, do total de pessoas que contrataram o serviço, 83% (cerca de 500 mil brasileiros) são negativadas, isto é, estão com "nome sujo".

Entre no  canal do Brasil Econômico no Telegram e fique por dentro de todas as notícias do dia

Chamado de Programa de Simplificação do Microcrédito Digital — SIM Digital, ele permite que pessoas físicas contratem empréstimo de R$ 300 a R$ 1.000, com taxas de juros a partir de 1,95% ao mês e parcelamento em até 24 vezes. A solicitação pode ser feita por meio do aplicativo Caixa Tem.

Pessoas jurídicas, por sua vez, podem contratar de R$ 1.500 a R$ 3.000, com taxas de juros a partir de 1,99% ao mês e parcelamento também em até 24 vezes. Nesse caso, o empréstimo deve ser solicitado nas agências da Caixa.

Para solicitar, porém, trabalhadores informais e microempreendedores não podem ter, em 31 de janeiro de 2022, saldo devedor acima de R$ 3.000. Não entram nesta conta os financiamentos habitacionais nem os limites não utilizados de cheque especial e cartão de crédito.

No caso dos MEIs, também é necessário ter faturamento anual menor que R$ 81.000. Para micro empresas, o limite é R$ 360 mil.

Em ambos os casos, os pedidos estão sujeitos à aprovação, que sai em até dez dias após a solicitação.

Em live transmitida pelo canal do YouTube da Caixa, o presidente da instituição, Pedro Guimarães, reforçou que mesmo o crédito para pessoas físicas é voltado para "empreendedores".

Leia Também

Leia Também

Os valores deverão ser usados para pagamento de fornecedores, contas de água, luz e aluguel, compra de matérias-primas e mercadorias para revenda etc. 

Na transmissão, Guimarães também revelou que, em 21 dias, mais de 905 mil pessoas já solicitaram a nova linha de microcrédito, com um valor médio de R$ 781,71.

Como solicitar empréstimo como microempreendedor individual (MEI) — pessoa jurídica

Para conseguir o empréstimo, microempreendedores individuais devem possuir Conta Pessoa Jurídica CAIXA. Quem não possui pode solicitá-la em alguma agência, com os seguintes documentos em mãos: 

  1. CCMEI  (Certificado da Condição de Microempreendedor Individual);
  2. DASN (Declaração Anual do Simples Nacional) do último exercício fiscal, com recibo de entrega;
  3. Documentos pessoais (RG, CPF, comprovante de residência). 

Os mesmos documentos também devem ser apresentados em casos de necessidade de atualização do cadastro. Essa atualização pode ser feita também em alguma agência ou pelo WhatsApp CAIXA 0800 104 0 104.

Após a solicitação e posterior aprovação do crédito, o MEI poderá contratar o empréstimo direto na agência. O dinheiro será depositado na Conta Pessoa Jurídica.

Como solicitar o empréstimo pelo Caixa Tem — pessoas físicas

Mesmo beneficiários do Auxílio Brasil podem solicitar o microcrédito da Caixa para autônomos ou microempreendedores, desde que se encaixem nas regras do programa.

É necessário possuir Poupança Digital+.

  1. Baixe ou atualize o aplicativo Caixa Tem, disponível para Android e iOS. Utilize a versão 1.57.0 ou superior;
  2. Atualize seu cadastro com endereço, renda, documento de identidade e uma selfie;
  3. Após a atualização, a sua Poupança Social Digital será Poupança Digital+;
  4. Clique na opção "Crédito Caixa Tem";
  5. Escolha "Contratar Crédito Caixa Tem".

Se o crédito for aprovado, você poderá solicitar o empréstimo na opção "SIM Digital - Crédito CAIXA Tem". Com o empréstimo contratado, o dinheiro será depositado diretamente na Poupança Digital+.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários