Veja fotos do mega iate do dono do Newcastle, que tem piscina, garagem e um quadro que vale R$ 2,4 bilhões
Lance!
Veja fotos do mega iate do dono do Newcastle, que tem piscina, garagem e um quadro que vale R$ 2,4 bilhões

Usuários das redes sociais tem se empenhado em localizar em que ponto do globo estão os megaiates dos oligarcas russos, desde que as sanções impostas ao país começaram a forçar bilionários a iniciarem uma corrida para salvarem suas luxuosas embarcações de serem confiscadas nos portos europeus.  Compartilhadas através da hashtag #YatchWatch, as informações dão conta tanto dos navios que foram apreendidos, quanto dos que ainda conseguem navegar livremente.

Entre no  canal do Brasil Econômico no Telegram e fique por dentro de todas as notícias do dia 

Entre os nomes envolvidos no passatempo, está o da escritora e ex-agente da CIA, Alex Finley. Sua última publicação sobre o tema, feita nesta segunda-feira, recapitula as últimas informações sobre o destino de alguns megaiates:

Entre os últimos navios confiscados citados por Finley, está o Amore vero, de Igor Sechin, apreendido quando estava prestes a zarpar de um porto na comuna francesa de La Ciotat.

Avaliado em US$ 45 milhões, o Lady M, de propriedade de Alexei Mordashov, bilionário da indústria do aço, também foi apreendido no porto de Imperia, na Itália. Outro megaiate de Mordashov, o Nord, foi visto pela última vez nas ilhas Seychelles, depois de deixar as Maldivas.

Leia Também

O Lena, de  Gennady Timchenko, dono do Volga Group, que investe nos mercados de energia e construção, também foi apreendido na Itália.

Finley atualizou aos seguidores ainda sobre o Solaris, iate de Roman Abramovich, oligarca que pôs a venda o clube de futebol Chelsea FC, e o Aurora, de propriedade de Andrey Molchanov. Ambos ainda estariam atracados em um porto em Barcelona, sem terem sido confiscados.

Outros usuários, organizaram mapas indicando os últimos portos em que alguns dos navios foram vistos. Há ainda quem tenha criado uma cartela de bingo, a ser atualizada conforme autoridades apreendem as embarcações.


    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários