MEC e EMBRAPII se unem para levar mais inovação à indústria
FreePik
MEC e EMBRAPII se unem para levar mais inovação à indústria

A Empresa Brasileira de Pesquisa e Inovação Industrial (EMBRAPII), em parceria com a Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica (Setec) do Ministério da Educação (MEC), vai selecionar três grupos de pesquisas em instituições da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica para atuarem como Unidades EMBRAPII. Nesta quinta-feira (24), às 15 horas, haverá o lançamento da nova chamada de Unidades EMBRAPII (link do evento: https://youtu.be/mZI0cnbrAsw ). O foco, dessa vez, são os Institutos Federais. O credenciamento vai até o dia 25 de março.

O credenciamento assegura à indústria que as equipes estejam qualificadas para atuar como centros de pesquisa das empresas que desejam inovar. Cada instituto escolhido poderá solicitar até R$ 3 milhões de aporte financeiro da EMBRAPII, ao longo de três anos, para prospectar e executar projetos de Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação (PD&I), em parceria com a indústria nacional.

A proposta é promover a interação entre governo, centros de pesquisas e empresas, tanto no que tange à vanguarda de processos e tecnologias para o mercado, quanto para alavancar recursos privados em projetos inovadores a fim de incentivar a inovação na indústria.

O novo credenciamento deve gerar cerca R$ 20 milhões em projetos de inovação, já que, ao financiar parte do valor investido com recursos não reembolsáveis, a EMBRAPII exige contrapartida financeira da iniciativa privada e aportes das instituições de pesquisa envolvidas nos projetos.
Atualmente, a rede EMBRAPII conta com 76 Unidades. Dessas, treze são Institutos Federais de Educação. Eles estão à frente de 220 projetos de inovação.

Leia Também

Formação de novos profissionais

As novas Unidades EMBRAPII também terão a missão de qualificar estudantes e jovens pesquisadores no desenvolvimento de soluções tecnológicas para o mercado.

A ideia é capacitá-los a partir de experiências reais, incluindo-os em todas as etapas do desenvolvimento dos projetos. Assim, o estudante poderá adquirir, além do conhecimento técnico, habilidades valorizadas no mercado do trabalho e essenciais em sua trajetória profissional, como capacidade de negociar, trabalhar em equipes multiníveis e multidisciplinares, usar criatividade e respeito à flexibilidade, comunicação e solução de conflitos.

Entre no  canal do Brasil Econômico no Telegram e fique por dentro de todas as notícias do dia

Sobre a EMBRAPII

A Empresa Brasileira de Pesquisa e Inovação Industrial é uma Organização Social que tem contrato de gestão com os Ministérios da Ciência, Tecnologia e Inovações; Educação; Saúde e Economia. Em sete anos de operação, já apoiou mais de 1.500 projetos, desenvolvidos em parceria com empresas nacionais de diferentes portes e segmentos. Tais projetos somam R$2 bilhões movimentados em inovação beneficiando cerca de 1.000 empresas.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários