Plataforma de petróleo
Divulgação
Plataforma de petróleo

As Bolsas globais caem e o petróleo se aproxima de US$ 100 nesta terça-feira após Vladimir Putin ter ordenado o envio de tropas a duas regiões separatistas da Ucrânia na véspera.

A Bolsa de Londres recua 0,4%, enquanto a de Paris cai 0,8%. Em Frankfurt, a queda é ainda maior, de 1,4%. O mercado russo tomba  6,9%, depois de ter desabado 10% na segunda-feira.

Putin anunciou na segunda-feira que vai reconhecer a independência das autoproclamadas repúblicas de Luhansk e Donetsk, no Leste da Ucrânia, onde separatistas pró-Moscou controlam boa parte do território desde 2014 e travam uma guerra que deixou cerca de 15 mil mortos.

Nos EUA, o mercado futuro da Bolsa de Nova York revela o nervosismo dos investidores após a manobra russa. O Dow Jones cai 1,4%; o S&P recua 1,3% e o Nasdaq tem baixa de 2,1%.

Leia Também

Bolsas asiáticas fecharam em queda superior a 1%. Em Hong Kong, o índice recuou 2,7%.

A tensão geopolítica também afetou o mercado de energia. O Brent, referência no mercado internacional chegou a ser cotado acima de US$ 99. Por volta de 7h45, subia 3,46%, negociado a US$ 98,69 o barril.

O petróleo leve americano chegou a saltar mais de 5%. Por volta de 7h45, avançava 4,77%, a US$ 95,14 o barril.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários