Fábio Faria, ministro das Comunicações, prevê crescimento de 2% a mais no PIB com 5G
Isac Nóbrega/PR
Fábio Faria, ministro das Comunicações, prevê crescimento de 2% a mais no PIB com 5G

O ministro das Comunicações, Fábio Faria, afirmou nesta quinta-feira (04) que a implantação do 5G trará crescimento de 2% a mais no Produto Interno Bruto (PIB) do Brasil nos próximos anos. Segundo o ministro, a tecnologia vai trazer mais velocidade para setores econômicos e beneficiará, principalmente, o agronegócio.

A declaração foi dada após a abertura do leilão do 5G, realizado nesta quinta-feira, em Brasília. As grandes operadoras brasileiras — Claro, Vivo e Tim — venceram os principais lotes do leilão. A Winity foi a vencedora da frequência 700MHz, e será a nova operadora de telefonia a operar no Brasil.

“Então, só isso aí estamos falando de um aumento de PIB de 2%, um acréscimo do PIB de 2% nos próximos anos. É muito mais do que um aumento de velocidade, o 5G vai colocar o Brasil na era da economia digital mundial”, disse Faria.

O ministro lembrou da necessidade de melhorar a internet em áreas rurais. Ele ressaltou que a tecnologia 5G deverá melhorar a condição econômica para o Brasil e ajudará no crescimento do agronegócio.

“Isso é uma entrega do governo federal muito relevante que vai ser um legado que nós estaremos deixando para o Brasil para os próximos 10, 15 anos. Teremos um aumento do PIB nacional nos próximos anos devido ao 5G”, afirmou.

Os vencedores do leilão tem até 31 de julho de 2022 para validar a operação do 5G no Brasil. As operadoras deverão seguir alguns critérios e condições para manter a validade do leilão.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários