Nota fiscal entregue ao Senado mostra que Nogueira pagou R$ 1 mil por capsulas de café
Reprodução/Senado
Nota fiscal entregue ao Senado mostra que Nogueira pagou R$ 1 mil por capsulas de café

O novo ministro-chefe da Casa Civil, Ciro Nogueira, usou R$ 1 mil de verba parlamentar para comprar capsulas de café. É o que aponta uma nota fiscal entregue ao Senado, obtida pelo colunista Lauro Jardim, do jornal O Globo. 

Segundo o documento, as unidades variam entre R$ 2,20 e R$ 140 (kit). O valor foi pago pelo próprio então senador, mas foi pedido o ressarcimento o gasto. 

Nogueira foi nomeado ministro da Casa Civil nesta quarta-feira (28) após acertar sua ida ao Planalto na terça. A entrada do senador no governo se deve a necessidade de aumentar a aprovação de pautas de Bolsonaro no Senado. 

Documentos entregues ao Senado também mostram que Ciro Nogueira gastou mais R$ 100 mil em abastecimento de jatinhos. O ministro possui duas aeronaves, sendo uma impossibilitada de voar. 

De acordo com o jornal O Globo, Ciro Nogueira utilizou a aeronave em diversas cidades e realizou abastecimentos em São Paulo (SP), Sorocaba (SP), Rio de Janeiro (RJ) e Florianópolis (SC). O último abastecimento registrado foi em 9 de junho no aeroporto de Sorocaba, data em que Élcio Franco, ex-secretário-executivo do Ministério da Saúde, prestou depoimento à CPI da Covid no Senado. Na ocasião, Nogueira não compareceu à audiência.

No recesso de fim de ano do Congresso Nacional de 2020, o senador Ciro Nogueira passou dias em Porto Seguro (BA) e realizou abastecimento de sua aeronave no aeroporto da cidade. O município baiano fica a 1.700 quilômetros de Teresina, capital do Piauí, estado base de Nogueira. 

O ministro ainda não se pronunciou sobre o uso de verba pública para abastecimento de aeronaves e compra de capsulas de café. 

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários