Ministro da Cidadania, João Roma
Reprodução: iG Minas Gerais
Ministro da Cidadania, João Roma

O governo federal calcula pagar R$ 280 para os beneficiários do Bolsa Família em novembro, após o fim do auxílio emergencial . Atualmente, o benefício paga R$ 190.

Os ministros da Cidadania e da Economia, João Roma e Paulo Guedes , queriam R$ 250, mas o Planalto, na pessoa do presidente da República, Jair Bolsonaro , queria R$ 300, segundo o jornalista Gustavo Uribe, da CNN Brasil. 

Além do valor, aumentará também o número de recebedores em aproximadamente 4 milhões de famílias. Hoje, 14,6 milhões de famílias de baixa renda recebem o Bolsa Família. Com a ampliação, o benefício social deve chegar a 18,6 milhões.

Uma 'folga' no teto de gastos, graças à inflação alta em junho, pode abrir espaço no Orçamento e liberar recursos para o programa, visto como principal 'arma' para Bolsonaro em 2022. 

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários