Após aumentos seguidos da Petrobras cidade no Acre vende gasolina a R$ 8,20
REPRODUÇÃO G1
Após aumentos seguidos da Petrobras cidade no Acre vende gasolina a R$ 8,20

Após o sexto reajuste da gasolina em 2021, anunciado na última segunda-feira (8), o preço do litro chegou a R$ 8,20 em Marechal Thaumaturgo (AC), município a 577 km da capital Rio Branco, Próximo a fronteira do Brasil com o Peru. A cidade possui uma frota de 321 carros e 239 motocicletas, segundo o Detran.

São os barcos os maiores consumidores de combustível na cidade. Oito dos sete postos de combustível existentes na cidade funcionam no leito do rio.

A cidade é isolada. Para piorar, o aeroporto local está interditado desde dezembro pela Anac (Agência Nacional de Aviação Civil), por causa das péssimas condições da pista.

"Quando a Petrobras anuncia o aumento lá, no outro dia eles já aumentam o preço aqui. Eles também não fornecem a nota fiscal", disse a Folha de são Paulo o auxiliar administrativo Jobson Menezes. Ele reclama e diz gastar mais de R$ 800 mensais para abastecer seu veículo.

Você viu?

Os donos de postos alegam que as dificuldades logísticas de transporte do combustível fazem com que este seja tão caro. O líquido é comprado em Porto Velho (RO), e entregue em Cruzeiro do Sul (AC), depois de uma viagem de 1.200 km por via terrestre. Em seguida a carga é colocada em uma balsa que viaja três dias subindo o rio Juruá até chegar na cidade.

Só em 2021, este foi o  sexto reajuste  da a gasolina, e o quinto do diesel, refletindo um salto de 52% e 42% respectivamente, na comparação com o ano passado, segundo o Instituto de Estudos Estratégicos de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (Ineep). 



    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários