IBGE abre mais de 200 mil vagas temporárias para Censo 2021
Arquivo
IBGE abre mais de 200 mil vagas temporárias para Censo 2021

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística ( IBGE ) publicou, nesta quinta-feira, dois editais para contratar temporariamente 204.307 pessoas para trabalhar na organização e na coleta do Censo Demográfico 2021 . As oportunidades são para recenseador , que exige nível fundamental, agente censitário supervisor (ACS) e agente censitário municipal (ACM), para candidatos que tenham Ensino Médio. Mas com tantas vagas, qual é a melhor forma de se preparar para o concurso?

De acordo com o professor Erick Alves, do Direção Concursos, o primeiro passo para quem deseja participar da seleção é analisar o  edital com atenção. "Ao ler o edital o candidato descobre quais conteúdos serão cobrados e passa a estudar com base nisso. Não basta vê que vai cair Português e sair estudando essa matéria de qualquer jeito", aconselha.

Quando o assunto é sobre qual disciplina o candidato deve focar mais, Erick é enfático: "É só olhar a quantidade de questões que serão cobradas por disciplina na prova. Fazendo uma análise desse concurso vemos que o maior peso está nas disciplinas específicas, de conhecimento técnico. Então, é nelas que o candidato deve focar e o estudo deve ser feito através das apostilas que o próprio IBGE disponibiliza".

Apesar da importância de se estudar as matérias que têm mais peso na prova, Eric aconselha que o candidato não deixe nenhuma disciplina fora do cronograma de estudo. "O esforço maior vai estar nesse conteúdo técnico, mas não se pode deixar de estudar Português, Matemática e os outros assuntos que estão previstos no edital".

Já Fernando Bentes, diretor acadêmico do QConcursos, frisa como é importante ter foco nos estudos apesar do grande número de vagas. "O candidato deve se preparar bastante porque existe uma quantidade enorme de vagas em um momento de crise econômica. Logo, muitas pessoas vão procurar essa alternativa para ter uma renda, ainda que temporária. O melhor comportamento do candidato não é acreditar que 'se são muitas vagas com certeza ela vai passar'. O melhor comportamento do candidato é entender que 'justamente por ter um número muito grande de vagas que muitas pessoas vão se candidatar'", lembra.

Você viu?

"Também sempre aconselho que no estudo para concurso público o candidato faça uma divisão entre estudo teórico e prático, dividindo o tempo que ele tem de estudo entre essas duas modalidades. Por exemplo, o candidato estuda primeiro a teoria e depois faz questões de provas anteriores", diz Bentes.

Por fim, o especialista em concursos Antônio Batist, acredita que cada candidato deve analisar a sua própria realidade a fim de encontrar mecanismos para se manter motivado. "É preciso entender que existem diversos tipos de dificuldades: de aprendizagem, financeiras, falta de tempo, entre outras. Uma boa dica para lidar com isso é mapear quais são as dificuldades e verificar o que pode ser feito, como lidar com elas. Outro aspecto é pensar a longo prazo, pensar quais são os seus objetivos daqui a 2, 3, 10 anos. A partir disso, fica mais fácil avançar cada degrau", finaliza.

Serviço

Concurso do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE):

Quantas vagas? No total são 204.307 vagas, sendo 181.898 vagas para recenseador, 16.959 para agente censitário supervisor (ACS) e 5.450 para agente censitário municipal (ACM).

Inscrições: O candidato deve se inscrever através do site da Cebraspe. Para ACM e ACS as inscrições vão de 19/02 a 15/03. Já para recenseador vão de 23/02 a 19/03.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários