Brasil Econômico

app caixa tem
Marcello Casal Jr./Agência Brasil
3,4 milhões de brasileiros sacam o auxílio emergencial pela última vez nesta sexta-feira (15)

Chegou a vez de 3,4 milhões de trabalhadores nascidos em julho sacarem os últimos recursos referentes ao auxílio emergencial . Nesta sexta-feira (15), a Caixa Econômica Federal vai permitir a retirada em espécie para este grupo.

Foram creditados R$ 2,4 bilhões para os nascidos em julho dos ciclos 5 e 6. Desse total, R$ 2,16 bilhões são referentes a cotas da extensão de R$ 300. O restante (R$ 214,4 milhões) refere-se a parcelas do auxílio emergencial de R$ 600.

Neste caso, o dinheiro foi depositado em 2 de dezembro (Ciclo 5) e 20 de dezembro (Ciclo 6). Até então, a quantia somente podia ser movimentada pelo aplicativo  Caixa Tem . Vale destacar que o governo não tem intenção de prorrogar o benefício, que deve realmente terminar em 27 de janeiro.

De acordo com o cronograma do Ministério da Cidadania, todos os pagamentos serão encerrados no dia 27 deste mês, quando os 3,3 milhões de trabalhadores remanescentes — nascidos em dezembro — vão retirar o último valor devido.

Sem prorrogação

Apesar dos apelos de muitos parlamentares e economistas, que temem um forte impacto na economia sem o benefício — o que faria aumentar a  pobreza no país —, o governo federal não tem interesse em estender o pagamento, por conta da grande necessidade de recursos.

A ideia da equipe econômica é apenas ampliar o Bolsa Família , com a inclusão de mais 200 mil titulares e um incremento no valor pago aos beneficiários. Ainda assim, a proposta não foi apresentada oficialmente.

Você viu?

Confira o último calendário do auxílio emergencial

Saques e transferências - ciclos 5 e 6

  • 19 de dezembro: nascidos em janeiro;
  • 19 de dezembro: nascidos em fevereiro;
  • 4 de janeiro de 2021: nascidos em março;
  • 6 de janeiro de 2021: nascidos em abril;
  • 11 de janeiro de 2021: nascidos em maio;
  • 13 de janeiro de 2021: nascidos em junho;
  • 15 de janeiro de 2021: nascidos em julho;
  • 18 de janeiro de 2021: nascidos em agosto;
  • 20 de janeiro de 2021: nascidos em setembro;
  • 22 de janeiro de 2021: nascidos em outubro;
  • 25 de janeiro de 2021: nascidos em novembro; e
  • 27 de janeiro de 2021: nascidos em dezembro.

Bolsa Família

Os titulares do Bolsa Família começarão a receber o benefício de janeiro na próxima segunda-feira (18) — aqueles com Número de Identificação Social (NIS) de final 1. Esse valor já será reduzido, ou seja, as famílias voltarão a sacar o que recebiam antes do auxílio emergencial.

Os depósitos do programa social costumam ser feitos nos últimos dez dias úteis de cada mês e, em janeiro, o pagamento vai até o dia 29 (NIS de final 0).

Pagamento pelo Caixa Tem

No fim de 2020, a Caixa começou a migrar os pagamentos para a poupança social digital. Dessa forma, os beneficiários do Bolsa Família podem, agora, ter acesso aos recursos por meio do aplicativo Caixa Tem.

A vantagem é poder quitar boletos e contas de água, luz e gás; fazer compras com cartão de débito virtual gerado pela internet e com QR Code; ou ainda realizar transferências para outras contas bancárias.

Os beneficiários com NIS de finais 9 e 0 começaram a receber por meio de conta social digital aberta pela Caixa Econômica Federal em dezembro do ano passado. Neste mês, o pagamento pela Caixa Tem será feito aos inscritos com NIS de finais 6, 7 e 8. Os demais terão que esperar fevereiro e março.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários