Cuidado com o Leão do Imposto de Renda
shutterstock
Cuidado com o Leão do Imposto de Renda

Quem teve rendimentos recebidos de Pessoas Jurídicas deve ficar atento na hora de declarar seu Imposto de Renda da Pessoa Física ( IRPF ) de 2020. A data limite para a declaração do Imposto foi prorrogada até o dia 30 de junho por conta da pandemia do novo coronavírus (Sars-Cov-2) .

Leia também:

Dólar fecha abaixo de R$ 5 pela primeira vez desde março

Nordeste vai ao STF pedir volta de recursos do Bolsa Família

Automóveis: Anfavea prevê queda de 40% em vendas

"As informações devem ser preenchidas de acordo com os informes entregues por tais empresas e não deve haver erros, pois a Receita Federal poderá fazer cruzamentos de dados e questionar caso existam divergências", afirma Daniel Nogueira , especialista em Imposto de Renda da Crowe , oitava maior rede global nas áreas de impostos, auditoria e consultoria.

Além disso, o especialista alertou: "sempre confira se os dados das fontes pagadoras estão corretos antes de enviar a sua declaração, inclusive se os CNPJs são os mesmos presentes nos informes de rendimentos".

    Veja Também

    Mais Recentes

      Mostrar mais

      Comentários