Brasil Econômico

euro
Shuttersock
Dólar segue em alta e bate R$ 4,52 pela primeira vez, enquanto o Euro continua acima de R$ 5,02

O dólar rondava a estabilidade contra o real na manhã desta quarta-feira (4), mas voltou a subir e renovou máxima histórica intradia acima de R$ 4,52 logo após a abertura, com investidores atentos aos próximos passos do Banco Central do Brasil após corte de juros surpresa pelo Federal Reserve. Às 11h40, a moeda americana estava sendo negociada a R$ 4,527, alta de 0,29%.

Leia também: Guedes se reúne com MBL e diz que governo tem "15 semanas para mudar o Brasil"

O dia também é marcado por dados sobre o Produto Interno Bruto ( PIB ) doméstico, que, no ano de 2019, fechou em 1,1%, o menor resultado dos últimos três anos e o pior desde o fim da recessão. O Ibovespa, principal indicador da Bolsa brasileira, a B3, sobe 1,18%, aos 106.781 pontos.

No último pregão, a moeda norte-americana fechou em alta de 0,54%, a 4,5109 reais na venda, nova máxima histórica para encerramento, a nona consecutiva.

O Banco Central ofertará nesta quarta-feira até 10.735 contratos de swap tradicional com vencimento em agosto, outubro e dezembro de 2020, para rolagem de contratos já existentes.

O Euro comercial, que nesta semana superou a marca de R$ 5,00 pela primeira vez desde a criação do Real, cai (-0,36%), mas ainda segue acima de R$ 5, a R$ 5,023.

    Veja Também

      Mostrar mais