dólar
shutterstock
dólar

No último pregão do ano da Bolsa, o dólar abriu o dia operando em queda nesta segunda-feira (30), sendo comercializado abaixo de R$ 4,05. Às 10h10, a moeda americana apresentava queda de -0,35%, sendo cotada a R$ 4,035.

O Ibovespa, principal indicador do mercado brasileiro de ações, às 10h10, subia 0,19%, para 116.756 pontos. Até 27 de dezembro, quando fechou aos 116.533 pontos, o índice acumulava alta de 32,59% em 2019. Em 12 meses, o ganho é de 36,36%.

Nas últimas semanas, investidores tem reduzido o volume das negociações às vésperas dos feriados de Ano Novo na Europa e América, encerrando um ano de vários recordes para os índices de ações globais.

No cenário doméstico, a nova edição do Boletim Focus, do Banco Central, manteve a projeção para a taxa de câmbio no fim de 2019 em R$ 4,10. Para o fim de 2020, caiu de R$ 4,10 para R$ 4,08.

Os economistas elevaram, ainda, as projeções de inflação para este ano, de 3,98% para 4,04%. Já a projeção para o crescimento do PIB para este ano subiu de 1,16% para 1,17%. Para 2020, o dado também foi revisado de 2,28% para 2,30%. Foi a oitava alta seguida da previsão para o ano que vem.

A projeção dos analistas para a taxa básica de juros (Selic) no fim de 2020 permaneceu em 4,50% ao ano, mesmo patamar registrado atualmente.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários