Tamanho do texto

Os dados são do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), que avalia o saldo de cada município

carteira de trabalho arrow-options
shutterstock
Saldo de empregos em 2019

Se você considera a ideia de mudar de cidade em busca de uma oportunidade de trabalho, fique atento às capitais: São Paulo, Belo Horizonte e Curitiba foram as cidades onde mais pessoas conseguiram empregos e se mantiveram empregadas nos dez primeiros meses de 2019. 

O dado é do último relatório do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (CAGED), que avalia o saldo de ocupações formais em todo o país, considerando a diferença entre o número de contratações e desligamentos por área de trabalho. 

Leia mais: Contrata-se! Quais setores estão gerando empregos no Brasil

Entre os meses de janeiro e outubro a criação de empregos totalizou 841.589 de postos de trabalho. O número é 6,45% maior que a marca atingida no mesmo período do ano passado. Já as três cidades com o pior saldo em 2019 são o Rio de Janeiro- RJ, Teresina-PI e Nova Iguaçu-RJ, onde os desligamentos superaram as contratações. 

Em outubro

Avaliando apenas o último mês estudado e levando em consideração o número proporcional ao de habitantes, o relatório aponta as cidades de Formosa e Morrinhos (ambas em Goiás), além de Cruz Alta , no Rio Grande Sul, como as que mais contrataram. 

Já entre os setores, o campeão foi o comércio , com a abertura de 43.972 postos, seguido pelos serviços, 19.123 postos. Em terceiro lugar, vem a indústria de transformação com a criação de 8.946 postos de trabalho.

em outubro o nível de emprego também aumentou na construção civil com a abertura de 7.294 postos e na indústria extrativa mineral, 483 postos.

No entanto, três setores demitiram mais do que contrataram: agropecuária, com o fechamento de 7.819 postos; serviços industriais de utilidade pública, categoria que engloba energia e saneamento, 581 postos, e administração pública, 427 postos.

A criação de empregos com carteira assinada registrou, em outubro, o sétimo mês seguido de desempenho positivo e gerou 70.852 postos formais de trabalho.  Esse foi o melhor nível de abertura de postos de trabalho para outubro desde 2016, quando as admissões superaram as dispensas em 76.599. 

Confira o índice das vinte cidades brasileiras com melhor saldo de contratação em 2019 até ouubro: