Tamanho do texto

Software de gerenciamento do motor pode apresentar falha em situações específicas; em menos de um mês, dois veículos pegaram fogo

Chevrolet Onix Plus arrow-options
Divulgação
Segundo caso de incêndio faz a Chevrolet suspender as vendas do Onix Plus até a atualização do sistema

Após dois Chevrolet Onix Plus pegarem fogo - um no pátio da fábrica em Gravataí (RS) e outro na posse de um cliente em Mirador (MA) - a General Motors do Brasil convoca todas as 7.140 unidades vendidas até o momento para recall.  O agendamento estará disponível em toda a Rede Chevrolet e na Central de Relacionamento Chevrolet pelo 0800-702-4200, assim que a atualização do software problemático estiver disponível.

Leia mais: Volkswagen anuncia recall do T-Cross. Reparo pode ser feito nas lojas

A Chevrolet informa que, em condições muito específicas de pressão atmosférica, temperatura ambiente, umidade e composição do combustível, o software de gerenciamento do motor pode, eventualmente, apresentar uma falha com risco de danos ao motor e incêndio. Essa condição é precedida por um alerta visual no painel de instrumentos.

Sobre o tempo de reparo, o pronunciamento da GM informa que a execução é rápida, mas a marca também disponibilizará veículos alugados para os clientes até que o procedimento de atualização do software no veículo seja efetuado.

Leia mais: Ford anuncia recall para EcoSport e Ka por problema nos bancos dianteiros

Em contato com uma concessionária da Chevrolet em São Paulo, a reportagem do iG apurou que ainda não podem definir um prazo para a entrega dos modelos novos -  que já terão recebido a atualização no software quando forem entregues aos clientes.