Tamanho do texto

Restituições são referentes aos exercícios praticados no período entre 2008 e 2018; valores ficam disponíveis no banco para serem retirados por um ano

Para saber se teve a restituição do Imposto de Renda liberada, é preciso acessar a página da Receita Federal na internet ou ligar para 146
shutterstock
Para saber se teve a restituição do Imposto de Renda liberada, é preciso acessar a página da Receita Federal na internet ou ligar para 146


A Receita Federal paga, nesta terça-feira (15), R$ 667 milhões em restituições do Imposto de Renda (IR). Na segunda-feira (14), fora liberadas as consultas à esse lote da restituição, que é  referente aos exercícios do período entre 2008 e 2018.

Para consultar a situação da sua declaração, é preciso acessar a página da Receita Federal na internet ou ligar para o Receitafone, no número 146. Há também um aplicativo para ser ustilizado em tablets e smartphones, para facilitar as consulta às declarações do Imposto de Renda , além da situação cadastral no Cadastro de Pessoa Física (CPF).

Ao todo, 257.094 contribuintes receberão R$ 667 milhões em resittuições do IR . Desse total, cerca de R$ 268,9 milhões são destinados à contribuintes que tem preferência para o recebimento: 7.677 idosos acima de 80 anos,  outros 45.899 com idades entre 60 e 79 anos, 5.487 pessoas que apresentam alguma deficiência física, mental ou moléstia grave e 20.742 contribuintes cuja maior fonte de renda seja o magistério.

Leia também: Veja os 10 erros mais comuns na hora de declarar o Imposto de Renda

Como resgato a restituição do Imposto de Renda?

A restituição do Imposto de Renda ficará disponível no banco durante um ano
shutterstock
A restituição do Imposto de Renda ficará disponível no banco durante um ano

Depois de acessar o site da Receita Federal , é possível visualizar o extrato da declaração e checar se há inconsistências de dados identificadas pelo processamento. Caso haja divergências, o contribuinte precisa fazer a autorregularização, com entrega de uma declaração retificadora.

Se tudo estiver certo, a restituição ficará disponível no Banco do Brasil (BB) durante um ano. No caso de o contribuinte não realizar o resgate dentro desse prazo, será preciso preencher um requerimento por meio na internet, através do "Formulário Eletrônico - Pedido de Pagamento de Restituição", ou diretamente no e-CAC, no serviço Extrato do Processamento da DIRPF.

Leia também: Tire 20 dúvidas sobre como declarar seu veículo no Imposto de Renda

Caso o valor da restituição do Imposto de Renda não seja creditado em sua conta, o contribuinte deve contatar pessoalmente qualquer agência do BB ou ligar para a Central de Atendimento por meio do telefone 4004-0001 (capitais), 0800-729-0001 (demais localidades) e 0800-729-0088 (telefone especial exclusivo para deficientes auditivos). Através desses meios, é possível agendar o crédito em conta-corrente ou poupança em qualquer banco.

*Com informações da Agência Brasil





    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.