Tamanho do texto

Segundo a Febraban, medida contribui para aprimorar as políticas oficiais de combate à corrupção e à lavagem de dinheiro e para trazer mais segurança

Brasil Econômico

Até então, comunicação prévia com o banco apenas era necessária com um dia útil de antecedência para saque
shutterstock
Até então, comunicação prévia com o banco apenas era necessária com um dia útil de antecedência para saque

A parir desta quarta-feira (27), clientes bancários que precisarem sacar na boca do caixa valor igual ou superior à R$ 50 mil devem informar a operação ao banco com, no mínimo, três dias úteis de antecedência. Além do aviso antecipado , o cliente também deve informar por meio de um formulário os motivos do saque e a identificação dos beneficiários.

Leia também: Bancos abrem somente até quinta-feira para atendimento ao público

De acordo com a Federação Brasileira de Bancos (Febraban), a nova regra foi determinada pelo Banco Central (BC) e tem o objetivo aumentar o controle sobre movimentações financeiras de alto valor em espécie. Até a medida entrar em vigor, a comunicação prévia com o banco exigia somente um dia útil de antecedência para saque com valor igual ou acima de R$ 100 mil.

Leia também: Brasileiros pagam juros do rotativo mais caros do mundo, indica levantamento

O cliente que desejar sacar mais de R$ 50 mil tem duas opções para preencher o formulário: online, nos portais dos bancos, ou nas próprias agências bancárias . Assim que o formulário de comunicação for finalizado, o Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf) avaliará a demanda. Somente em 2017, o sistema financeiro fez mais de 1 milhão de comunicações de operações em espécie, aponta a Febraban.

Mais segurança

Para a Febraban, o novo procedimento ajuda a aprimorar as políticas oficiais de combate à corrupção e à lavagem de dinheiro e traz mais segurança para os clientes na realização das operações. Embora a federação reforce que a medida é mais segura, a orientação é dar preferência para meios eletrônicos – aplicativos e sites dos bancos – para fazer transferências e outras transações.

Leia também: Quer ganhar dinheiro na última semana do ano? Veja os “bicos” mais procurados

A alteração nas regras de saque com valor igual ou superior a R$ 50 mil é parte das ações desenvolvidas na Estratégia Nacional de Combate à Corrupção e à Lavagem de Dinheiro (Encda). A instância surgiu no ano de 2003 a fim de articular a ação de entidades públicas e da sociedade civil na prevenção às fraudes anteriormente citadas.

* Com informações da Agência Brasil

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.