Tamanho do texto

Homem foi visitar amigo no hospital e foi surpreendido com valor de 18 mil dólares canadenses ao chegar no local; empresa relutou em restituir dinheiro

Em um primeiro contato, Uber não aceitou devolver valor pago pela corrida  de 20 minutos
Divulgação
Em um primeiro contato, Uber não aceitou devolver valor pago pela corrida de 20 minutos

Na última semana, Hisham Salam decidiu fazer uma visita a um amigo no hospital, na cidade de Toronto, no Canadá. O que ele não esperava era que o ato gentil lhe custasse mais de 18 mil dólares canadenses (ou cerca de R$ 48 mil), cobrados pela corrida de Uber.

Leia também: Cerca de 25% dos brasileiros sobrevivem com renda familiar de R$ 387, diz IBGE

Depois de terminar a viagem, que durou apenas 21 minutos, o usuário foi surpreendido com a cobrança de exatos C$ 18.518,50. Prontamente, solicitou a correção dos valores, mas viu seu pedido ser negado pela Uber . A empresa respondeu, por meio do próprio aplicativo, que o preço realmente condizia com o tempo e percurso da corrida.

Mesmo depois de ter sido respondido com uma negativa, Salam não desistiu de obter a restituição do valor pago. Para conseguir força na disputa contra a empresa, o canadense decidiu publicar a história em seu Twitter. Diante do grande número de compartilhamentos e a repercussão do caso, a empresa aceitou devolver o valor pago pelo usuário e fez um pedido de desculpas. Confira a publicação na rede social:

Leia também: Variação de preço de panetones pode chegar a 110% em São Paulo, alerta Procon



"O que era um erro honesto se tornou o maior erro de 2017. Não estou rindo e imaginando quando a Uber vai agir. Algém pode me ajudar? Obviamente, nenhuma corrida de 20 minutos custa US$ 18,500", diz a postagem na plataforma. Após conseguir obter o valor de volta, Salam fez uma publicação de agradecimento na rede social:




Leia também: Camada 1% mais rica da população brasileira detém 28% da riqueza do País

"Obrigado a todos que tuitaram e retuitaram a história da cobrança mágica de US$ 18.500 da Uber. O suporte da empresa me restituiu e pediu desculpas. Eu espero conseguir conversar com alguém do time de liderança sobre meu problema e o tempo de resolução na próxima semana", finalizou.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.