Brasil Econômico

undefined
Divulgação
Em um primeiro contato, Uber não aceitou devolver valor pago pela corrida de 20 minutos

Na última semana, Hisham Salam decidiu fazer uma visita a um amigo no hospital, na cidade de Toronto, no Canadá. O que ele não esperava era que o ato gentil lhe custasse mais de 18 mil dólares canadenses (ou cerca de R$ 48 mil), cobrados pela corrida de Uber.

Leia também: Cerca de 25% dos brasileiros sobrevivem com renda familiar de R$ 387, diz IBGE

Depois de terminar a viagem, que durou apenas 21 minutos, o usuário foi surpreendido com a cobrança de exatos C$ 18.518,50. Prontamente, solicitou a correção dos valores, mas viu seu pedido ser negado pela Uber . A empresa respondeu, por meio do próprio aplicativo, que o preço realmente condizia com o tempo e percurso da corrida.

Mesmo depois de ter sido respondido com uma negativa, Salam não desistiu de obter a restituição do valor pago. Para conseguir força na disputa contra a empresa, o canadense decidiu publicar a história em seu Twitter. Diante do grande número de compartilhamentos e a repercussão do caso, a empresa aceitou devolver o valor pago pelo usuário e fez um pedido de desculpas. Confira a publicação na rede social:

Leia também: Variação de preço de panetones pode chegar a 110% em São Paulo, alerta Procon



"O que era um erro honesto se tornou o maior erro de 2017. Não estou rindo e imaginando quando a Uber vai agir. Algém pode me ajudar? Obviamente, nenhuma corrida de 20 minutos custa US$ 18,500", diz a postagem na plataforma. Após conseguir obter o valor de volta, Salam fez uma publicação de agradecimento na rede social:




Leia também: Camada 1% mais rica da população brasileira detém 28% da riqueza do País

"Obrigado a todos que tuitaram e retuitaram a história da cobrança mágica de US$ 18.500 da Uber. O suporte da empresa me restituiu e pediu desculpas. Eu espero conseguir conversar com alguém do time de liderança sobre meu problema e o tempo de resolução na próxima semana", finalizou.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Mostrar mais

      Comentários