Brasil Econômico

undefined
shutterstock
Em dois dias, mais de 3,9 milhões de consumidores renegociaram débitos em atraso no Feirão Limpa Nome


Balanço prévio divulgado nesta quinta-feira (9) pela Serasa Experian mostrou que nos dois primeiros dias do Feirão Limpa Nome da Serasa, mais de 3,9 milhões de consumidores buscaram renegociar suas dívidas.

Leia também: Pagamento do décimo terceiro deve injetar R$ 200 bilhões na economia, diz Dieese

Até o dia 30 de novembro, consumidores podem renegociar débitos em atraso com mais de 1,7 mil empresas que aderiram ao Feirão Limpa Nome , sendo que essas tratativas são feitas de forma online, pelo site oficial do projeto, basta clicar neste link . O diferencial desse feirão são as condições de pagamento, sendo que algumas empresas oferecem até 90% de desconto na quitação das contas em atraso.

Foi identificado que a maioria das pessoas que procuraram o Feirão da Serasa são de São Paulo, com 30,81% de procura nos em dois dias. Rio de Janeiro aparece como o segundo estado com maior procura, com 12,55% e Minas Gerais tem terceiro, com 8,77% de adesão ao Feirão.  Bahia ficou em quarto, com 6,43%, seguido do Paraná, 5,55%.

Neste balanço prévio foi apurado que a maioria dos acessos para a renegociação de dívidas partiu de consumidores do sexo feminino, com 55% de adesão ao Feirão. A faixa etária (43% do total) foi formada por pessoas entre 25 e 34 anos; outros 24% tinham entre 35 e 44 anos e 13% daqueles que acessaram, entre 18 e 24 anos. 12% foram entre 45 e 54 anos, 7% de 55 a 64 e 2% acima de 65 anos.

A maioria das pessoas, ou seja,  69% dos acessos vieram de smartphones; outros 29% utilizaram o computador como meio de acesso e 2% se conectaram pelo tablet . Os picos das visitas aconteceram por volta das 13h e 15h, em ambos os dias.

Leia também: Pesquisa aponta que 73% dos brasileiros vão às compras neste Natal

Como participar

Até o dia 30 de novembro, bancos, varejistas e demais empresas pretendem liquidar a maior quantidade de débitos em atraso por meio da iniciativa da Serasa . O consumidor deve acessar o canal oficial, já que o Feirão é apenas virtual neste mês e fazer um cadastro.

Após preencher os dados, a consumidor será redirecionado a uma página em que serão listados todos os débitos que constam na base de dados do Serasa e que podem ser renegociados neste mês. No site oficial do Feirão Limpa Nome,  consumidor terá acesso a canais de atendimentos das empresas participantes da iniciativa, sendo que em alguns caso, foram criadas ofertas pré-estabelecidas, que poderão ser quitadas via boleto bancário. Simulações para quitação também serão feitas de forma online .

Leia também: Receita abre consulta ao 6º lote de restituição Imposto de Renda 2017; consulte

    Veja Também

    Mais Recentes

      Mostrar mais

      Comentários