Tamanho do texto

Especialista aponta que com a popularidade do comércio eletrônico, é natural que o consumidor antecipe cada vez mais as suas compras; veja

Brasil Econômico

De acordo com o levantamento realizado pela Infracommerce, a expectativa é que e-commerce tenha crescimento de12% nas vendas para o  Dia dos Pais no comparativo com o mesmo período do ano passado. Na data,  tênis, acessórios e roupas esportivas são as categorias mais procuradas pelo consumidor.

Leia também: Dia dos Pais: brasileiro deve gastar R$ 125 com presente, diz SPC Brasil

E-commerce: A procura por cupons de descontos também vem sendo intensificada pelo consumidor
shutterstock
E-commerce: A procura por cupons de descontos também vem sendo intensificada pelo consumidor

Em relação ao valor médio que deverá ser gasto na data sazonal, a Associação Brasileira de Comércio Eletrônico (ABComm) apurou que o brasileiro deve investir algo em torno de R$ 346 no e-commerce , enquanto que a média geral apurada pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) é de R$ 125.

Vale destacar que, ao separar o balanço por classe social, o valor apurado pelas entidades cai para R$ 111 entre os mais pobres.

O levantamento também revela que as lojas que contemplam as categorias de tênis, acessórios e roupas esportivas contabilizam uma variação positiva entre 20% e 40% nas vendas, o que equivale a aproximadamente 20 milhões de pessoas comprando até o dia 13 de agosto (própria data do Dia dos Pais), especialmente mulheres entre 20 e 34 anos.

Leia também: Laboratório recolhe Buscopan composto em gotas das farmácias; entenda o motivo

Tendência

A responsável pela área de Operação de Lojas da Infracommerce, Samantha Schwarz, aponta que com a popularidade do comércio eletrônico , é natural que o consumidor antecipe cada vez mais as suas compras. “Nesse ano, desde o dia 10 de julho já notamos um aumento nas visitas. Nos anos anteriores, a procura começou mais tarde: por volta do dia 25 de julho”, aponta.

A procura por cupons de descontos também vem sendo intensificada pelo consumidor, e que foi uma das principais estratégias usadas para a data em 2016.

A Infracommerce conclui que embora o foco da data seja no público masculino, a comunicação e as campanhas não só do e-commerce, mas do varejo como um todo, estão bastante voltadas para as mulheres, que possuem grande parte do poder de compra para o Dia dos Pais.

Leia também: Estereótipos de gênero: veja como o Siri tem reforçado o sexismo na tecnologia